Prova prática do Detran, em São Luís, tem agravante: buracos

O problema na pavimentação deve ser resolvido, segundo o órgão.

SÃO LUÍS – Quem precisa realizar o exame prático, no Aterro do Bacanga, para obter a carteira de motorista tem de enfrentar um agravante, além do famoso nervosismo: os buracos.

Sem se identificar, um instrutor confirmou que a situação é bem pior para quem está aprendendo. “O aluno reclama demais. Já tem muito tempo, mais de ano. Isso aí fica uma lagoa”, comenta.

O desafio não é só fazer a baliza, mas também, não ficar preso em um dos buracos, que em dias chuvosos viram poças de lama.

Por meio de nota, a Diretoria Operacional do Departamento de Trânsito (Detran-MA) informou que, em parceria com a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra), “está tomando providências para solucionar o problema dentro do menor tempo possível.

FONTE: IMIRANTE

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.