MAC busca treinador para a disputa da Série B do Maranhense

Após o rebaixamento em 2014, o Maranhão tenta se reerguer. Com praticamente um ano de inatividade do departamento de futebol profissional, o Quadricolor voltou aos trabalhos após a definição da diretoria, que contará com a presidência de França Dias. Para montar o time que disputará a Série B do Campeonato Maranhense, o primeiro passo será definir o treinador.

O comandante poderá ser definido entre um dos nomes que estão trabalhando no futebol maranhense, neste caso Meinha, que está no Santa Quitéria, Luís Miguel, do São José, Vinícius Saldanha, do Imperatriz e Celinho, que está sem clube. Fora do Estado, Paulo Moroni, que comanda o Piauí, também é observado pela diretoria atleticana.

Meinha entra na lista por ter conquistado o Campeonato Maranhense de 2007 com o MAC e ter montado o elenco que conquistou o título estadual em 2014. Além disso, em 2015, no comando do Santa Quitéria, o treinador perdeu a vaga na semifinal do Estadual somente na última rodada e a equipe contava com vários jogadores que passaram pelo MAC naquele ano, como o meia Helton, o lateral-direito Daylson e os zagueiros Grafite e Marcelo.

O português Luís Miguel, que está no São José e levou o time para a semifinal do Estadual neste ano, também é uma das opções da diretoria. A boa

campanha com o Peixe Pedra e o seu histórico, quando estava no Cordino levou a equipe para a final em 2011, agradam a diretoria.

Vinícius Saldanha, que levou o Quadricolor ao título estadual em 2014, também pode voltar ao clube. Entretanto, Luís Miguel e Saldanha podem não trocar de time, caso consigam a classificação para as semifinais do Campeonato Maranhense. O Peixe Pedra enfrentará o Cavalo de Aço, comandado por Vinícius nesta fase do estadual.

Celinho, que começou a temporada no Imperatriz, está sem clube e é o que tem situação mais fácil para chegar a um acerto. O treinador tem no currículo a conquista da Série B do Maranhense em 2013 com o Moto, além de ser finalista em 2014 com o Imperatriz.

O técnico Paulo Moroni, que já passou pelo futebol maranhense comandando o Bacabal e o Imperatriz, atualmente está no Piauí. Sob o comando do treinador o Enxuga-Rato está na semifinal do Campeonato Piauiense, mas conquistou apenas uma vitória, dois empates e duas derrotas na primeira fase.

A definição do novo técnico do MAC deverá acontecer somente em maio. A Série B do Campeonato Maranhense deverá começar em setembro e somente o campeão conquistará o acesso para a disputa do Estadual em 2016.

luis_miguel_1 meinha_mac

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.