Governo lança Programa Rumo Certo e investe em educação no sistema prisional

Depois de inserir mais de 2.500 detentos em ações de trabalho e renda e alcançar a marca de 1.363 inscritos no Enem e no Encceja em 2017, o Governo do Maranhão dá mais um importante passo na promoção do aumento do nível de escolaridade e profissionalização no sistema prisional. Nesta segunda-feira (11), às 10h, no Palácio Henrique de La Rocque (Calhau), a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) lança o Programa Rumo Certo, que vai oferecer mais de 45 mil vagas para pessoas presas e seus familiares, egressos e servidores penitenciários.

Inédito no Maranhão, o Programa Rumo Certo vai ampliar as oportunidades de formação e qualificação de mão de obra, oferecendo cursos de capacitação profissional, alfabetização, pós-graduação e preparatório para vestibulares, totalmente gratuitos, no âmbito do sistema carcerário maranhense. Para o secretário da Seap, Murilo Andrade de Oliveira, a iniciativa inovadora vai potencializar os serviços prestados no ambiente prisional e beneficiar a sociedade em todos os aspectos.

Programa Rumo Certo. (Foto: Clayton Monteles)

Programa Rumo Certo. (Foto: Clayton Monteles)

“O Programa Rumo Certo veio para inovar a oferta de escolaridade e profissionalização no âmbito penitenciário. Ao todo, serão mais de 45 mil vagas ofertadas, das quais mais de 41 mil são para cursos de capacitação profissional, 2.500 voltadas a cursos preparatórios de pré-vestibular, 400 vagas para pós-graduação e 1.500 vagas para alfabetização, isso conforme a necessidade de cada público alvo”, explica o titular da Seap.

O programa contará com um moderno estúdio, onde todas as aulas serão gravadas e transmitidas pelas centrais de informática instaladas, inicialmente, em oito unidades prisionais da capital e 18 no interior, na modalidade de ensino a distância. As aulas também serão presenciais, nas salas de aula das mais de 40 unidades prisionais da capital e também do interior do estado.

Para que tudo isso seja possível, o Governo do Estado, por meio de sua gestão prisional, firmou importantes parcerias com várias instituições de ensino e também órgãos públicos, entre os quais secretarias estaduais e municipais, que trabalharão em conjunto com a Academia de Gestão Penitenciária (AGPEN) da Seap. Uma das parceiras nesse processo é a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).

“Em um primeiro momento a UEMA vai disponibilizar dez vagas do curso em Gestão Pública para os servidores do sistema prisional, tendo a consciência da importância de qualificarmos esses profissionais de modo a aprimorar suas competências na prestação do serviço público”, pontuou o reitor da UEMA, Gustavo Pereira da Costa.

Além da UEMA, estão na lista de parceiros o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e o Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA). Instituições de ensino superior como a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e o Instituto Federal do Maranhão (IFMA), que ofertam capacitação técnica, também estão entre as parcerias já consolidadas.

Completam a lista de parceiros as secretarias de Estado da Educação (Seduc), de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), Trabalho e Economia Solidária (Setres), Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), além da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp), da Escola de Governo do Maranhão (EGMA), do Instituto Brasileiro de Educação e Meio Ambiente (Ibraema) e da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento de São Luís (Semapa).

SERVIÇO
O QUE: Lançamento do Programa Rumo Certo
QUANDO: Segunda-feira (11), às 10h
ONDE: Auditório da Casa Civil, Palácio Henrique de La Rocque (Calhau)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FONTE: GOVERNO DO ESTADO

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.