Governo do Estado discute orçamento para 2010

O orçamento estadual para 2010 e o Sistema Informatizado de Pleitos Governamentais (Sipgov) foram temas da sétima reunião do ano do Conselho de Gestão Estratégica das Políticas Públicas de Governo, coordenada pelo vice-governador João Alberto. O encontro foi realizado, na manhã desta quinta-feira (20), no Palácio Henrique de La Rocque, com a participação de secretários, gestores e demais membros da administração direta.

O vice-governador afirmou que a reunião é importante para que as ações do governo sejam melhor planejadas e articuladas. “Aqui, aproveitamos para saber o que cada Secretaria está fazendo, propomos outras iniciativas e até mesmo congregamos esforços entre as Secretarias”, enfatizou João Alberto.

O secretário de Estado de Planejamento e Orçamento, Gastão Vieira, revelou que o orçamento prevê investimentos da ordem de R$ 9 bilhões, que vão contemplar todos os programas anunciados pela governadora Roseana Sarney, nas mais diversas áreas, como saúde, educação, infraestrutura, segurança pública, agricultura, entre outras ações voltadas para beneficiar a população maranhense. “Temos até o dia 30 de setembro para encaminharmos à Assembleia Legislativa o orçamento de 2010, para ser apreciado pelo Legislativo”, destacou.

Ele também revelou que os secretários não precisam ficar angustiados, caso não consigam incluir no orçamento todo o recurso que imaginam ser necessário para o ano que vem. “Para constar no orçamento basta que o projeto esteja incluído dentro do Plano Plurianual (PPA) de investimentos do governo estadual e, no ano seguinte, será automaticamente contemplado com uma suplementação do valor”, ressaltou.

Sipgov

O secretário Chefe da Casa Civil, João Abreu, aproveitou a reunião para fazer o lançamento do Sistema Informatizado de Pleitos Governamentais (Sipgov), ferramenta que será disponibilizada para a governadora, vice-governador e secretários estaduais terem acesso aos dados referentes a questões administrativas, financeiras e de execução do Governo do Estado.

“Esse é um sistema de informação gerencial que será coordenado pela Casa Civil, Secretaria de Coordenação Política e Articulação com os Municípios e Governadoria, que vai precisar do empenho dos secretários nas respostas aos pleitos solicitados”, explicou o secretário.

Abreu declarou que o Sipgov disponibilizará informações essenciais para que a governadora Roseana Sarney acompanhe, por exemplo, o desempenho da arrecadação diária de recursos e o destino do que foi arrecadado, além de dados sobre todo o funcionalismo estadual.

“Todas essas informações existem, mas ficam isoladas nas Secretarias. Agora, elas estão sendo agrupadas e disponibilizadas de maneira mais didática, para que sejam usadas e analisadas pela governadora”, acrescentou. A próxima reunião do Conselho está marcada para o dia 23 de setembro.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.