Curso sobre a biblioteca pública encerra nesta sexta

Encerra hoje, sexta-feira (28), o curso “Um olhar diferenciado sobre a Biblioteca Pública: impactos da gestão inovadora” que acontece, na Sala Multimídia do Centro de Criatividade Odylo Costa, filho, desde a segunda-feira (24). O evento é uma realização do Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas, em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura (Secma) e patrocínio da Petrobras.

O curso, que faz parte do projeto de Aperfeiçoamento e Multiplicador de Profissionais que atuam nas bibliotecas públicas do país, foi ministrado, em São Luís, pelas bibliotecárias Rosa Maria Ferreira Lima, diretora da Biblioteca Pública Benedito Leite (BPBL) e Aline Carvalho Nascimento. O curso é realizado em todos os estados brasileiros, com o objetivo de favorecer a reflexão sobre temas que afetam a visibilidade e a credibilidade da Biblioteca Pública, no sentido de capacitar o pessoal para agir como agente de intervenção social, obtendo um efeito multiplicador de estímulo à leitura e ao hábito de frequentar a biblioteca, bem como melhorar a qualidade nos produtos e serviços oferecidos.

Os 33 participantes do curso, gestores de bibliotecas públicas de municípios maranhenses, viram durante toda a semana um conteúdo que destacou o papel do profissional de biblioteca dentro dos pontos: Biblioteca Pública invisível: uma realidade que se quer mudar; O que fazer e para quem fazer?; Do cidadão para o cidadão: a gestão de produtos e serviços inovadores; Quem diz quanto custa o seu negócio?; Quem diz quanto vale o seu negócio; Plano de inovação para a Biblioteca Pública, com exibição de vídeos, apostilas, debates e discussões, visando planejamento de ações inovadoras de incentivo à leitura para bibliotecas.

Para a diretora da Biblioteca Pública Benedito Leite, Rosa Maria Ferreira Lima, que intermediou a realização do curso em São Luís, o resultado foi satisfatório e teve a presença de bibliotecários e técnicos em bibliotecas, que ganharam conhecimento aprofundado, o que vai possibilitar um melhor desempenho, tanto no trabalho dentro das bibliotecas públicas já existentes, como nas que foram implantadas pelo Governo do Estado.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.