Técnico do Sampaio diz que “salvou” Geraldo de listão e comenta saída de Fábio Lopes

A lista de dispensa do Sampaio Corrêa divulgada recentemente com oito jogadores poderia ser maior. Um atacante que estava nela foi salvo pelo novo treinador do Sampaio, Léo Condé. Trata-se do atacante Geraldo, que não vinha agradando a direção do clube e seria desligado, mas, com a primeira semana de trabalho de Condé, convenceu o técnico tricolor, que pediu a permanência do atleta.

– A saída dos atletas era uma situação que já estava definida com o término do Maranhense e da Copa do Nordeste. Eu avaliei não no sentido de demissão, mas de ficar com alguém que já estavam meio que estabelecido que sairia. Caso do Geraldo, um jogador que eu gostei. Talvez, em um primeiro momento poderia ficar fora. Os outros eu não pedi para sair – revelou Léo Condé.

O técnico Léo Condé também comentou a saída de Fábio Lopes, contratado com pompas pelo Sampaio, mas que sequer estreou com camisa Tricolor. O treinador confirmou que seu desligamento aconteceu por uma postagem do atleta em uma rede social, onde ele reclamou da falta de oportunidade.

– Dentro do que foi passado, o Fábio veio em uma situação de preparação. Me parece que estava parado ou vindo de fora do país. Levou um certo tempo para que pudesse entrar em forma. Eu cheguei e iria avaliar todos. Aconteceu uma situação de precipitação do jogador, uma divulgação em mídia social, o presidente não gostou e acabou acelerando um processo que poderia demorar um pouco mais para avaliar o atleta –afirmou.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.