Sistema de transporte de São Luís pode parar

O assalto ocorrido na manhã de quinta- ­feira (11), no Maracanã, que deixou uma cobradora e mais um aluno do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) feridos, foi o estopim para o Sindicato do Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Maranhão (STTREMA).

Agora, a categoria ameaça paralisar o sistema de transporte público da Região Metropolitana de São Luís até que uma medida de segurança seja tomada.Segundo o presidente da entidade, Isaias Castelo Branco, o STTREMA está avaliando se a partir da manhã de hoje o policiamento nos coletivos foi intensificado, sobretudo na região onde aconteceu o assalto. “A polícia nos prometeu mais policiamento”, afirmou.

Estopim

A possibilidade de paralisação levantada após caso que aconteceu ontem, por volta das 6h30, em um ônibus da Vila Esperança,no ponto final da linha. Durante o assalto, a cobradora do coletivo levou uma facada na perna e um estudante do curso de Agropecuária se machucou ao tentar fugir dos bandidos.

Mesmo após o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) confirmar o assalto, mas negar as agressões, uma testemunha e uma das vítimas reafirmaram a ocorrência e apresentaram fotos dos ferimentos. Segundo informações da assessoria de imprensa do IFMA, vários alunos, que também estavam no ônibus, tiveram pertences roubados.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.