Sinproesemma fará atividades em escolas no Dia nacional da Mulher

No próximo dia 30 será comemorado no Brasil o Dia Nacional da Mulher. Para lembrar a data, o Sinproesemma fará em várias escolas da rede estadual atividades específicas como panfletagens e visitas para lembrar a importância da Mulher para a sociedade.

CORAGEM
A data do Dia Nacional da Mulher marca o nascimento de Jerônima Mesquita, fundadora do Conselho Nacional de Mulheres.  Ela, uma das precursoras do movimento em prol da melhoria da qualidade de vida da mulher na sociedade brasileira.

Jerônima Mesquita estudou na Europa e ao retornar ao Brasil trouxe consigo a coragem de enfrentar  as situações contrárias às mulheres. Para levar adiante a sua luta, Mesquita se uniu a um grupo de senhoras combativas e tornou-se feminista, assistencialista e sufragista.

Mesquita era mineira de Leopoldina. Faleceu no Rio de Janeiro, onde morava em 1972. Em homenagem à sua data de nascimento um grupo de mulheres feministas trabalhou para que se tornasse o Dia Nacional da Mulher. Isso ocorreu por meio da Lei nº 6.791/80, sancionada pelo Presidente João Figueiredo.

VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER
Uma das maiores preocupações atualmente é quanto à violência contra a mulher, inclusive a doméstica. O Dia Nacional da Mulher é mais uma ocasião para continuar a investigação sobre a condição feminina no Brasil e a busca incessante de soluções.

Graças à coragem de muitas mulheres foram vencidos muitos obstáculos e ocupação de espaços foi iniciada, como o direito ao voto, a chefia dos lares, colocação profissional, independência financeira e outras. Apesar de todos esses avanços, ainda há injustiças e preconceitos contra o gênero.

No último século, o movimento feminista contribuiu imensamente para a efetivação das conquistas das mulheres. Embora se tenha feito muito, as respostas às questões femininas são pouco eficazes, já que os homens ainda detem a hegemonia em diversos setores sociais. As políticas públicas ainda devem muitos feitos à população feminina.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.