Rádio Web do MPMA é lançada oficialmente

O Ministério Público do Maranhão lançou na manhã desta segunda-feira, 28, a Rádio Web MPMA. O objetivo é ampliar a divulgação do trabalho institucional, por meio de notícias e boletins radiofônicos. A solenidade foi coordenada pelo procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, no estúdio da rádio, localizado na Procuradoria Geral de Justiça, em São Luís.

Os conteúdos produzidos pela equipe da Coordenadoria de Comunicação são disponibilizados na internet e distribuídos para emissoras de todo o país. Com a parceria da Agência RádioWeb, as notícias podem chegar a 2.175 rádios afiliadas, 80 destas na capital e interior maranhense.

O estúdio permite a realização de entrevistas, gravação de programas especiais e realização de reportagens ao vivo, inclusive diretamente das diversas Promotorias de Justiça fora da capital. Em sua fase experimental, iniciada em dezembro de 2018, a Rádio MPMA já produziu 70 conteúdos jornalísticos. As notícias podem ser acessadas por todos os cidadãos no endereço eletrônico da rádio (www.radiompma.com.br) e nos aplicativos disponíveis para dispositivos móveis.

“Hoje é um dia histórico. Por meio da comunicação institucional, o Ministério Público, que já é um agente de cidadania, pode chegar aos quatro cantos do Maranhão com agilidade e transparência em tempo real”, afirmou Luiz Gonzaga Martins Coelho.

Ao destacar a evolução do trabalho focado nas rádios, a coordenadora de Comunicação, Lucina Medeiros, afirmou que a ampliação dos serviços é fruto de muito trabalho e os resultados são muito positivos. “Em dois meses, foram produzidas e distribuídas 70 matérias de interesse do MP. Estas notícias tiveram 2.470 veiculações em rádios AM e FM comerciais, comunitárias e educativas. Considerando o tempo médio de 2 minutos por matéria, foram 82 horas de exposição dos assuntos de interesse da instituição”.

O diretor da Agência RádioWeb, Paulo Gilvane Borges, afirmou que a implantação de uma rádio nestes moldes é uma medida visionária da administração, com a possibilidade de alcançar milhões de pessoas no Brasil. As notícias de maior inserção trataram de reconhecimento de paternidade (215 emissoras), violência obstétrica (323 emissoras) e ofensas nas redes sociais (557 emissoras).

AUTORIDADES

Também participaram da cerimônia o corregedor-geral do MPMA, Eduardo Jorge Hiluy Nicolau; a subprocuradora-geral de justiça para Assuntos Administrativos, Mariléa Campos dos Santos Costa; o diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais, Marco Antonio Amorim; o assessor-chefe da PGJ, Justino Guimarães; o diretor da Escola Superior do MPMA, Márcio Thadeu Silva Marques; e o diretor da Associação do Ministério Público do Estado do Maranhão, Tarcísio Bonfim.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.