Parceria entre Governo e Ambev garante primeira fecularia do Maranhão

O secretário estadual de Indústria, Comércio e Energia (Seinc), Simplício Araújo, esteve nesta quinta-feira (14) reunido com diretores da Ambev, em São Paulo, para garantir a instalação da primeira fecularia do Maranhão, fruto de tratativa da empresa com o Governo do Estado.

Segundo Simplício Araújo, a fecularia será instalada na cidade de Balsas, região Sul do estado, e a matéria prima virá do Tabuleiros de São Bernardo, onde a Ambev compra a mandioca para a fabricação da cerveja Magnifica, vendida em lojas de São Luís.

“Agora, o Maranhão pode avançar na produção e garantir a industrialização dentro do estado. Uma parte irá para a produção da cerveja Magnífica e a outra para produzir produtos que hoje são adquiridos de outros estados”, disse o secretário.

Para os produtores, a fécula apresenta-se como uma boa alternativa para agregar valor às suas atividades. O investimento será de R$ 12 milhões, com a geração de 70 empregos diretos.

Cadeia do leite

Além de contribuir para o adensamento da cadeia produtiva da mandioca, a cadeia do leite também pode ser beneficiada. Durante a reunião, Simplício Araújo tratou com Ambev sobre os resíduos da cevada para serem vendidos a produtores de leite no Maranhão. O resíduo da cevada é matéria prima para a produção de cerveja e é rico em proteína, reduzindo em até 40% o custo da produção da pecuária leiteira.

“Essa tratativa, além de contribuir para a cadeia da mandioca, poderá também contribuir para a cadeia do leite. Nossa expectativa é conseguir o farelo da cevada para nossos produtores de leite, visando o incremento para o setor”, ressaltou Araújo.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.