Milhares de estudantes seguem mobilizados para os Aulões Mais Ideb 2021

Pelo segundo fim de semana consecutivo, milhares de estudantes, nas 19 Unidades Regionais de Educação (URE’s), participaram do Aulões Mais Ideb 2021. Promovidos pelo Governo do Maranhão, por meio Secretaria de Estado da Educação (Seduc), a ação educativa tem o intuito de recuperar aprendizagens relativas a habilidades essenciais de Língua Portuguesa e Matemática.

Os Aulões Mais Ideb 2021, transmitidos simultaneamente pela TV Educação e pelo canal do YouTube da Plataforma Gonçalves Dias, são destinados aos estudantes das três séries do Ensino Médio, e têm foco no fortalecimento das ações do Plano Mais IDEB – criado pelo Governo do Estado com a proposta de transformar a qualidade do ensino e elevar os indicadores educacionais no Maranhão.  

Neste sábado (25), os alunos tiveram aulas ministradas por Cacau Sotero,  Gabrielle Monteles e Nagla Carolina (Língua Portuguesa); e Renata Feques, Marcos Santos e Thiago Araújo (Matemática). No componente curricular Língua Portuguesa e Literatura, os estudantes tiveram oportunidade de tirar dúvidas de conteúdos como: Diferença entre fato e opinião, Operadores e Mobilizadores, Argumentativos, Artigo de Opinião e Carta Argumentativa, Editorial e Resenha. Já em Matemática, as aulas os alunos aprenderam um pouco mais sobre: Educação Linear, Sistema Linear e Representação Matricial; Sistema Linear e Métodos de Resolução de Sistemas; e Escalonamento de Sistema Linear.

Na URE de Imperatriz, escolas como CE Fortunato Moreira Neto (Porto Franco), CE Frei Gil (Estreito), CE Nova Vitória e CE Urbano Rocha (Imperatriz) juntaram seus alunos em sala de aula para dar apoio, facilitar o acesso aos aulões e ajudar a tirar as dúvidas. 

Na URE de Açailândia, os estudantes do Centros de Ensino José Cesário e Mary Dalva Rocha também reservaram a manhã do sábado para focar nos estudos e aprender muito mais acompanhando os aulões. 

“Esses aulões têm sido muito importantes para melhorar a aprendizagem de cada estudante e a formação acadêmica. E o objetivo é desenvolver as habilidades que são exigidas em concursos, vestibulares, Enem e na sala de aula”, enfatizou o estudante Vinícius Araújo, do  Centro de Ensino Mary Dalva. 

Em Axixá, Icatu, Caxias, Codó, ou no povoado Manga, zona rural de Barão de Grajaú, cada estudante buscou a melhor forma de se concentrar para acompanhar os aulões. Em Cachoeira Grande, estudantes e professores do Centro de Ensino Sotero dos Reis se mobilizaram, fizeram vídeos e postaram nas redes sociais convidando os alunos para o reforço na aprendizagem.

Em São Luís, o Centro de Ensino Vinicius de Moraes, no Turu, montou  um sistema de áudio e vídeo no pátio da escola e reuniu os estudantes para acompanharem as aulas, e ainda tiveram o reforço da professora de Língua Portuguesa, Claudia Martins, no tira dúvida. 

“É muito importante que os nossos estudantes participem, porque em anos anteriores nós preparamos esse aluno para a prova do Mais Ideb. Esse ano, a gente está trazendo um reforço a mais, através dos aulões na TV e trazendo esse aluno para a escola para que ele participe de uma maneira mais efetiva, porque eles precisam aprender os descritores, entender o que precisam responder efetivamente nessa prova, que é importante porque vai avaliar os nossos indicadores educacionais, saber como eles percorreram a sua vida estudantil. Além disso vai preparar, também, para o Enem”, destacou a professora Claudia Martins. 

“Está sendo um aprendizado maravilhoso. Estamos tirando as nossas dúvidas. É um aprendizado a mais. Então está sendo ótimo”, disse Mariana Alves Ribeiro, aluna da 3ª série.

Fonte da matéria postada: Seduc
Foto: Divulgação

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.