Maranhão apresenta em Brasília ações exitosas na área da segurança alimentar voltadas à população de rua

Ações na área da Segurança Alimentar e Nutricional voltadas à população de rua, desenvolvidas pelo Governo do Maranhão, foram apresentadas, nesta quarta-feira (4), em Brasília, no Encontro Nacional sobre Direitos Socioassistenciais da População em Situação de Rua. O evento, que prossegue, nesta quinta-feira (5), é realizado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), sob a coordenação da Secretária Nacional de Assistência Social.

O trabalho do Maranhão foi apresentado pela secretária adjunta de Segurança Alimentar e Nutricional da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), Lourvídia Caldas. Entre as ações executadas pelo Governo do Maranhão, e que foram apresentadas no evento, a oferta de refeições diárias à população de rua nos Restaurantes Populares instalados pelo Governo no Estado, em São Luís.

A ação é desenvolvida desde 2015 e atende 130 pessoas por dia (úteis), oferecendo alimentação saudável e balanceada, no almoço e no jantar a esse público. As pessoas contempladas com a iniciativa são devidamente cadastradas atendendo aos critérios exigidos pelo projeto.

Segundo Lourvídia Caldas, este ano, o projeto na área da segurança alimentar voltado à população de rua passou por avaliações, oportunidade na qual foi percebido a necessidade de que novas ações fossem acrescentadas para expandir o serviço e melhor atender aos usuários da ação.

“Então, elaboramos um planejamento em conjunto com as áreas da Assistência Social dos municípios, para a implementação de iniciativas como capacitações intitulados ‘Alimente-se Bem, além de orientações e avaliações nutricionais, por exemplo”, pontuou a secretária adjunta da Sedes. Ela participou da mesa na qual foram abordados temas relativos à Proteção Social Básica e Direito à Segurança Alimentar e Nutricional, com objetivo de promover o debate sobre a promoção e ampliação do acesso ao direito à alimentação.

De acordo com Lourvídia Caldas, o Maranhão se destacou por ser o único estado brasileiro que já desenvolve esse trabalho integrado entre a segurança alimentar e a assistência social, aspecto que motivou o convite para apresentação das experiências exitosas na área. Também participaram do evento a técnica Alessandra Karina, do setor de Proteção Social Especial de Média Complexidade; e a gestora de programa, Maria Valdinê Milhomem.

Os Restaurantes Populares integram a política de segurança alimentar e nutricional desenvolvida pelo Governo do Maranhão, por meio da Sedes. Já são 25 equipamentos públicos de segurança alimentar implantados no estado, sendo 23 restaurantes e duas cozinhas comunitárias.

Direitos

O Encontro Nacional sobre os Direitos Socioassistencial da População em Situação de Rua tem ainda como objetivo discutir a real situação dessa população, envolvendo todas as questões de atendimento a seus direitos previstos na legislação. Durante o evento, representantes do poder público de vários estados e sociedade civil buscam melhorias para os Centros de Referência destinados a esse público.

Segundo o MDS, o Sistema Único de Assistência Social (Suas) conta, atualmente, com uma rede socioassistencial com 4.260 unidades que prestam atendimento à população em situação de rua.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.