Judeu que escapou do holocausto agora ajuda cristãos a fugir do EI

“Um judeu que fugiu da Áustria pouco antes do nazismo agora está financiando ajuda a cristãos que tentam escapar dos ataques do Estado Islâmico na Síria e no Iraque, afirmou neste domingo (19) o jornal britânico “The Independent”.

George Weidenfeld, 95, afirmou ter “uma dívida a saldar” com cristãos, já que foram eles que o ajudaram a alcançar o Reino Unido em 1938.

Na semana passada, o empresário apoiou o aluguel de um avião privado para transportar 150 cristãos sírios para a Polônia, afirmou o jornal.
A meta é ajudar a fuga de até 2 mil pessoas sob ameaça da milícia islâmica que persegue — e até crucifica — cristãos. Além disso, o projeto prevê pagar entre 12 e 18 meses de ajuda para os refugiados no país de destino.
“Tenho uma dívida a saldar”, afirmou Weidenfeld ao “The Times”. “Ela se refere às muitas crianças que estavam nos ‘Kinderstransports’ [esforço para salvar crianças nos meses anteriores à Segunda Guerra]. Foram os Quakers e outras agremiações cristãs que trouxeram essas crianças para a Inglaterra.”
“Foi uma operação muito ambiciosa e nós, judeus, devemos ser gratos e fazer algo pelos cristãos em perigo”, acrescentou.
Fonte: Portal Metrópole:

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.