Governo do Maranhão reúne com instituições financeiras para avaliar melhorias e humanização dos serviços bancários

Na segunda reunião do evento ‘Diálogos com Fornecedores: Bancos’, realizada pelo Governo do Maranhão, por meio do Procon, as instituições financeiras em atuação no estado apresentaram as melhorias promovidas e as próximas ações com o intuito de humanizar o atendimento prestado aos consumidores, motivadas pelas considerações feitas ao longo da primeira reunião, ocorrida em 4 de maio. O evento aconteceu nesta segunda-feira (22), na sala de reunião da Vice-Governadoria, no Palácio Henrique de La Roque.

 

Durante o reencontro, os representantes das instituições financeiras informaram que agências novas serão construídas nos municípios de Codó e Buriticupu. O Procon apresentou um relatório indicando os municípios e as agências com maior fluxo e consideradas as mais críticas de cada instituiçãopara que o bancos adotem medidas que possam reduzir o tempo de fila, considerando os prazos de vencimentos dos principais pagamentos, como tributos e boletos, bem como dias de pagamentos de salários, pensões e aposentadorias.

 

Os representantes das instituições financeiras se comprometeram em desenvolver melhorias baseadas no mapeamento apresentado pelo Procon para agilizar o atendimento e evitar filas; melhoria na infraestrutura, a exemplo da disponibilização de água e banheiros nas agências, e orientação ao cliente, de forma clara, de quais serviços podem ser realizados nos caixas eletrônicos.

 

De acordo com o diretor-geral do Procon, Duarte Júnior, a proposta do diálogo é manter um plano de metas. “Sabemos que a implantação de melhorias e a humanização desses serviços não acontecerão imediatamente, mas estamos trabalhando incansavelmente para garantir os direitos dos consumidores maranhenses. Nosso objetivo não é sancionar, mas se for necessário faremos em prol da melhoria deste serviço, que é uma das prioridades do governador Flávio Dino”, afirmou.

 

Para o diretor da Febraban, Gustavo Marrone, o processo de diálogo é construído gradativamente. “Vamos trabalhar para que na próxima reunião as propostas sejam mais concentrar, mas temos consciência que é o início de processo que busca a melhoria no estado no Maranhão”, disse.

 

Estiveram presentes à reunião o delegado-geral Augusto Barros Neto, representando o secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela; o defensor público, Jean Carlos Nunes; o defensor público federal, Yuri Costa; representantes do Sindicato dos Bancários, além de representantes do Banco do Brasil, Bradesco, Itaú, HSBC, Banco do Nordeste, Banco da Amazônia, Caixa Econômica Federal, Santander e da Febraban (Federação Brasileira de Bancos).

 

Monitoramento

 

Uma nova reunião foi marcada para o dia 17 de agosto para que os bancos apresentem os avanços e novos planos de ações com propostas concretas de aperfeiçoamento dos serviços prestados. O PROCON é vinculado à Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular (SEDIHPOP).

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.