Governador Flávio Dino entrega cartões do programa Bolsa Atleta

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), realizou, nesta quarta-feira (22), a solenidade de entrega do cartão Bolsa Atleta, para 96 contemplados pelo programa. O evento ocorreu no Palácio dos Leões, às 8h30, com presença do governador Flávio Dino e do secretário de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), Rogério Cafeteira. 

“É um programa estadual, instituído pelo nosso governo, para apoiar o esporte educacional e a partir de crianças e jovens, formar atletas de alto rendimento no futuro. Mas, sobretudo, referências de bons valores, bons princípios e boas práticas nas escolas de todo Maranhão e universidades. Estamos implantando o primeiro ciclo do Bolsa Escola com o duplo objetivo de auto rendimento e estímulo à cidadania”, avaliou o governado Flávio Dino. 

Dino confirmou ainda a continuidade do programa Bolsa Atleta no Maranhão. “Já autorizei a segunda edição, com bolsas de R$ 500, ou seja, mais benefícios que o programa federal e é um dos maiores programas no Brasil, de apoio a atletas que iniciam no mundo do esporte. Portanto, um grande sucesso e que terá continuidade”, frisou o governador.

Para o titular da Sedel, Rogério Cafeteira, o programa é um dos mais importantes do Governo do Estado. “Infelizmente, estamos iniciando a entrega dos primeiros cartões só agora, por conta da Covid-19. O programa vai atender atletas dos ensino fundamental, médio e universitário, também oportunizando o esporte às pessoas com deficiência. Será de extrema importância para formação de grandes campões e como é o objetivo do nosso governo, de grandes cidadãos”, enfatizou o gestor. 

Para a atleta paraolímpica de natação, Izabelly Vitória, 17 anos, o programa traz estímulo para superar barreiras. “Agradeço ao Governo e à Sedel por essa oportunidade e dizer que esse projeto é muito importante para apoiar os atletas. Precisamos de incentivo para participar de competições, adquirir equipamentos e a mim, irá ajudar a alcançar meu sonho de participar de uma paraolimpíada. O programa vai me ajudar também como incentivo a mais. Muito feliz por essa oportunidade”, disse.

Do atletismo, Bruno César Cunha, 25 anos, pontuou a importância do programa “para a aquisição de equipamentos e poder estar fora do Maranhão em competições e assim, será um incentivo a mais para continuarmos com os treinamentos”. Outra contemplada, Radhyja Costa, 13 anos, que pratica karatê, vai utilizar os recursos para compra de alimentação adequada ao esporte, deslocamentos e também, compra de materiais. “Estou muito feliz por esse apoio a nós e ao esporte”, destacou. 

O Bolsa Atleta concede auxílio no valor de R$ 500, por mês, durante um ano e beneficia atletas maranhenses. O programa tem como finalidade contribuir no custeio das despesas relacionadas à prática desportiva, como transporte, alimentação, inscrições e aquisição de materiais.  

A Lei Estadual nº 11.010 de 24 de abril de 2019, que institui o programa Bolsa Atleta, tem como objetivo democratizar o acesso à prática esportiva, valorizando os atletas estudantis maranhenses, com bolsas que serão disponibilizadas a atletas e paratletas de base, de 10 a 25 anos.

Fonte da matéria postada: Secom
Texto: Sandra Viana
Fotos: Divulgação

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.