Daniel Alves diz que Pep Guardiola queria treinar a seleção Brasileira

Voltemos para 2012. Quando Mano Menezes foi demitido do comando da seleção brasileira, no final daquele ano, o nome de Pep Guardiola foi ventilado para substitui-lo. Ele havia deixado meses antes o Barcelona, onde ganhou todos os torneios possíveis, tinha o caminho livre, mas outro nome foi anunciado: Felipão. E, segundo o lateral-direitoDaniel Alves revelou em entrevista nesta terça-feira à Espn Brasil, o treinador espanhol gostaria de ter assumido o Brasil naquela época.

– Eu pago por ser linguarudo, mas não conto mentira. Antes da Copa, o Pep (Guardiola) queria treinar a seleção brasileira e não quiseram. O Pep falou que queria fazer a gente campeão do mundo e tinha toda a estratégia e não quiseram. Falaram que não sabiam se o Brasil iria aceitar. Se não aceitamos o melhor do mundo, que pode nos fazer melhores, você não se preocupa com a seleção brasileira – disse o lateral-direito, em entrevista ao programa Bola da Vez.

Daniel Alves trabalhou com Guardiola no Barcelona e estava naquela época na seleção brasileira. Pelo convívio, o lateral sabe que Pep tinha até o time na cabeça, só não revelou qual era ele.

– Desde que eu estou na seleção, ele já tinha o time na cabeça, já tinha a equipe que ele queria para treinar o Brasil.

Por fim, não faltaram elogios ao treinador, que está há dois anos no Bayern de Munique e tem mais um de contrato.

– O Pep é o melhor treinador do mundo. O cara mais gestor esportivo que eu vi. Um cara que revolucionou o futebol, um time, uma equipe. Tivemos a chance de ter o cara sem ter que gastar, se o problema é dinheiro. A intenção dele era só receber se tivesse o resultado esperado pelo povo brasileiro. Você deixa passar uma oportunidade dessa? Você não pensa na seleção brasileira?

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.