Capacitação gratuita: segunda turma da Escola de Eletricistas inicia as aulas em São Luís

Iniciativa promovida pela Equatorial Maranhão, em parceria com o SENAI, formará mais 25 eletricistas para o mercado de trabalho

Nesta segunda-feira (22), ocorreu na unidade SENAI Monte Castelo, a aula inaugural da segunda turma da Escola de Eletricistas, projeto de capacitação gratuita promovido pela Equatorial Energia que tem por objetivo a formação de eletricistas de redes de distribuição de energia elétrica.

A Escola de Eletricistas é uma iniciativa da Equatorial, e faz parte do Programa E+ Profissional da Distribuidora, que visa preparar pessoas para o mercado de trabalho, promovendo qualificação profissional. Para tal finalidade, o curso conta com um conteúdo técnico elaborado por profissionais especialistas no setor de distribuição de energia elétrica.

Nesta segunda edição, o curso ofereceu preferencialmente, 35% das vagas para mulheres, com o intuito de incentivar a representatividade feminina e a igualdade de gênero nas operações do setor elétrico. Das 25 pessoas selecionadas, 40% são mulheres.

Durante a aula inaugural, Yapurya Yhorea, aluna da segunda turma, destacou a felicidade de ser aprovada em um curso gratuito que vai prepará-la para o mercado de trabalho. “Fui contemplada com a oportunidade através dessa iniciativa da Equatorial, e saber que sou uma das mulheres aprovadas no curso me motiva ainda mais.  Espero muito aprender e utilizar com sabedoria o conhecimento que será aplicado no curso’’, enfatizou Yapurya.

Yasmin Oliveira, engenheira da Equatorial, destacou a ação da distribuidora em possibilitar essa capacitação. “Essa é uma iniciativa que fornece qualificação profissional gratuita de qualidade para o Maranhão, que visa gerar emprego e renda por meio dessa formação. Hoje estamos dando início a segunda turma no estado, onde 25 alunos foram selecionados e começam as aulas que darão rumo a sua carreira profissional no setor elétrico. Com esta segunda turma estaremos gerando mais oportunidades, principalmente para as mulheres’’, comentou Yasmin.

Sobre o curso    

No ano de 2022, por meio da Escola de Eletricistas, serão formados 50 novos profissionais eletricistas no Maranhão. A primeira turma foi iniciada também com 25 alunos, no mês de maio, e a conclusão será em setembro. Todos os alunos recebem ajuda de custo durante todo o período da capacitação, e acarga horária é de 40h semanais, totalizando 480h do curso profissionalizante. Além disso, o programa também contempla 112h de curso comportamental, que tem o intuito de apoiar as pessoas no desenvolvimento de habilidades cognitivas como raciocínio lógico, comunicação, relacionamento interpessoal e de estruturação do Projeto de Vida por meio da carreira na área de energia elétrica. No cotidiano, os profissionais eletricistas precisam se deslocar para atendimento das solicitações de serviços, para isso, a Escola de Eletricistas também terá aulas de direção defensiva e condução de veículos com tração 4×4. Desta forma, amplia as oportunidades de empregabilidade.

Essa iniciativa da Equatorial está alinhada com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), no qual a Equatorial é signatária e que visa promover a Educação de Qualidade, até 2030.

Assessoria de Imprensa da Equatorial Maranhão

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.