Buchinho é morto em circunstancias misteriosas na Vila Isabel Cafeteira

Três pessoas morreram na noite desta terça-feira (2), na região metropolitana de São Luís. A morte que mais chamou a atenção foi a de Josivaldo Reis Sousa, mais conhecido como “Buchinho”, de 37 anos, no bairro do São Cristóvão.

De acordo com informações da Polícia Militar, o caso aconteceu na Rua Epitácio Cafeteira, casa 23, quadra 175. O Disque Denúncia repassou informação a guarnição da PM de que no endereço haveria um foragido de Justiça, utilizando drogas e portando uma arma de fogo.

A PM foi averiguar e ao chegar no local, onde  foi realizado o cerco .

A própria mãe do suspeito, que proprietária da casa forneceu a chave à guarnição e permitiu a entrada na residência. Ao entrar, foi verificado que existia um cômodo trancado, e ao bater na porta, Buchinho começou a gritar e efetuou disparos em direção à guarnição.

Os policiais revidaram e Josivaldo acabou baleado. Ele foi socorrido e encaminhado ao Hospital Dr. Clementino Moura, o Socorrao ll, mas não resistiu e morreu. Com Buchinho foi encontrado um revólver calibre 32, com duas munições, sendo uma deflagrada e a outra acionada, mas havia falhado.

Outros corpos

No Instituto Médico Legal (IML) deram entrada mais dois corpos. O primeiro foi de um homem morto a tiros, mas não identificado. Ele foi assassinado no bairro Jardim América. O segundo foi Máximo Costa Moreira Júnior, de 38 anos, morto na Vila Isabel Cafeteira, a golpes de faca

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.