Aulas não serão retomadas em 15 de junho no Maranhão

Por meio de suas redes sociais, o Governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), disse que irá remarcar o reinício das aulas presenciais no estado. Dino disse que fará uma “nova previsão na próxima semana”.

“Não haverá retomada de aulas presenciais no dia 15 de junho no Maranhão. Como diz o Decreto editado na semana passada, datas serão objeto de nova previsão na próxima semana”, disse Flávio Dino, que na postagem sublinhou a palavra previsão.

Em decreto editado no dia 29 de junho, o governo do estado havia inclusive divulgado um cronograma de retorno gradual das aulas presenciais nas instituições de ensino. A ideia era começar pelas graduações e pós-graduações até chega no nível infantil e cursos eletivos.

“Em relação as escolas irei editar um decreto hoje (29/05) tratando das regras. A nossa proposta inicial é que o processo de reabertura inicie no dia 15 de junho. Porque ele também seguirá, nos termos do decreto, uma metodologia progressiva. Começando da graduação e pós graduação até chegar aos meninos e meninas menores”, disse Dino em entrevista coletiva no dia 29 de junho.

Na abertura gradativa o governo do estado também divulgou um protocolo de reabertura a ser seguido pelas instituições. As diretrizes tratavam de distância entre alunos, distribuição de kits de higiene e desinfecção para os estudantes, professores e demais funcionários, organização dos horários de entrada e saída de séries e turmas, para evitar aglomeração, aferição diária da temperatura, desinfectar diariamente os locais de uso e orientações às famílias.

Em nota, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) disse que “vem prorrogando a suspensão das aulas presenciais, de 15 em 15 dias, sempre após avaliação epidemiológica. Portanto, reitera que as aulas só serão retomadas, de forma gradual e escalonada, quando forem liberadas pelas autoridades sanitárias”.

Fonte: G1 MA

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.