Aos fumantes: “Mês de Conscientização sobre o Câncer de Pulmão

pulmaaoO mês de novembro, além de ser dedicado ao câncer de próstata, também é conhecido como o “Mês de Conscientização sobre o Câncer de Pulmão”, doença que mata cerca de 200 mil pessoas por ano no Brasil.

Além do tabagismo, que é a principal causa da identificação do câncer de pulmão, novas técnicas têm aumentado relativamente o diagnóstico precoce, o que faz toda a diferença no tratamento da doença.

Abraços,

Câncer de pulmão não acomete só os fumantes

 Como o diagnóstico preciso tem ajudado os médicos a identificar doenças silenciosas

Cerca de 28 mil pessoas por ano são acometidas pelo câncer de pulmão no Brasil. Um dos mais agressivos tipos da doença, é geralmente diagnosticado em estágio avançado, dificultando o tratamento e prejudicando a qualidade de vida do paciente.

Médicos, especialistas, cientistas e profissionais de órgãos da saúde têm discutido com frequência questões ligadas a prevenção, testes genéticos e medicina personalizada. Esse movimento retrata a importância da conscientização e desmistificação de alguns pontos comuns como “câncer de pulmão apenas em fumantes”.

Não é bem assim. Dr. Marcelo Horacio, Diretor Médico Executivo da AstraZeneca, explica que o câncer de pulmão pode sim surgir num organismo livre de tabaco. “Sabemos que 80-90% dos casos de câncer de pulmão estão relacionados ao cigarro, mas existem outros fatores de risco que podem contribuir com o desenvolvimento da doença, como a poluição, genética, produtos químicos e até elementos próprios da natureza”.

Nos EUA, por exemplo, somente os 20% dos pacientes com câncer de pulmão que não são fumantes, quase se igualam aos casos de todos os diagnósticos de câncer no pâncreas ou de leucemias.

Para o Dr. Marcelo, o que fez aumentar o número de pacientes não fumantes com câncer de pulmão, foi o diagnóstico precoce. “Temos visto um movimento, uma mudança de cultura nos consultórios e PSs, mostrando que os médicos têm dado bastante atenção a um diagnóstico mais assertivo, pois só assim o paciente terá o tratamento que de fato precisa”.

Realidade até pouco tempo duvidosa – até para certa parcela da comunidade médica -, hoje os pacientes contam com exames objetivos, que conseguem detectar, além da doença, o diagnóstico molecular de mutações, responsáveis, na maioria das vezes, pela ineficiência do tratamento. “Os testes genéticos estão muito evoluídos, conseguimos entender toda a estrutura da célula doente analisando seu DNA”, diz o Dr.

Muitas drogas desenvolvidas hoje, especificamente na área da oncologia, agem em parceria com esse diagnóstico assertivo. Esses exames mostram exatamente o problema e onde ele está, com isso os médicos podem prescrever a medicação certa, que vai combater o foco da doença.“Sempre aconselhamos os pacientes a conversarem com seus médicos. É na consulta de rotina que estão as maiores chances de um diagnóstico preciso e precoce, o que pode salvar uma vida”, conclui Dr. Marcelo.

E não é só para o câncer de pulmão que o teste diagnóstico e a medicina personalizada têm sucesso reconhecido. O câncer de ovário – silencioso e de diagnóstico impreciso -, também é forte candidato a perder forças pela inovação da ciência.

Fonte: AstraZeneca; INCA; OMS; Dra. Lorraine Pelosof

 pulmaaoCURIOSIDADE

 Qual a diferença entre os tumores de pacientes fumantes e não fumantes?

O câncer de pulmão que se desenvolve em fumantes não é o mesmo que se desenvolve em pessoas que nunca fumaram cigarro. Acredita-se que eles sejam diferentes porque o tumor de não fumantes tem quase duas vezes mais mudanças no DNA do que o tumor de pessoas que fumam. Isso sugere que os tumores aparecem por meio de diferentes vias moleculares. Os não-fumantes podem ficar expostos a uma substância cancerígena, não de cigarros, que faz com que os tumores tenham mais alterações no DNA e promovam o desenvolvimento de câncer de pulmão. Os tumores de pulmão relacionados ao tabagismo possuem, em geral, comportamento mais agressivo.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.