Acusado de abusar de duas crianças sai preso na CPI

A presidente da CPI de Combate a Pedofilia, deputada Eliziane Gama (PPS) ouviu durante reunião extraordinária da Comissão no fim da manhã desta sexta-feira (12/03), o acusado de abusar de duas crianças no bairro do Coroado.

Reinaldo da Trindade Mota apresentou-se a CPI acompanhado por dois advogados e teve a sua prisão temporária decretada após decisão da juíza da 11ª Vara Criminal, Drª Rosária de Fátima Almeida Duarte baseada na representação feita pelo Promotor Márcio Thadeu (Promotoria Infância e Juventude).

“A prisão deste acusado se torna importante tendo em vista que uma das metas da CPI é o combate a impunidade, muito embora seja acusado”, disse deputada Eliziane Gama.

O caso entrou na pauta da CPI nesta quinta-feira (11) a partir da denúncia feita pelas mães das duas meninas de 4 e 5 anos, que estudam na escola de educação infantil no bairro do Coroado em que o Reinaldo é porteiro. Segundo as mães, o relato de abuso foi feito pelas próprias crianças.

A presidente da CPI encaminhou as meninas para o Centro de Perícias Técnicas, onde serão realizados exames de conjunção carnal e também exames psicossocial. A parlamentar também encaminhará pedido à Secretaria Municipal de Educação para que seja aberto procedimento administrativo em relação ao ocorrido, pois a mãe de uma das crianças disse que a diretora da escola havia pedido para que ela não levasse o caso a diante Reinaldo deve permanecer no Centro de Triagem de Pedrinhas por 30 dias para investigação.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.