Walter Wanderley prende terceiro envolvido em morte de evangélica

Negão, foi preso quando estava no Bar de Francisco Mendes Câmara  (Chico Pote),  conduzido para averiguação, localizado na Travessa Jackson Lago, Residencial Ana Jansen, no Anjo da Guarda. Desde o dia do crime, o Grupo de Serviço Avançado (GSA/SI) do 1º BPM, deram início as investigações para identificação, localização e prisão dos acusados. No ultimo dia 27, os policiais militares do GSA/SI, prenderam Sérgio Roberto Fonseca, 18; um menor de 14 anos, das iniciais M.P.G., que também participaram do latrocínio.

Com a prisão dos primeiros envolvidos, e cumprindo determinação do Comandante do CPAM 3, Coronel PM Egídio e do Major Ilmar, comandante do 1º BPM, os policiais do Serviço de Inteligência, partiram para a localização e prisão de Negão, o que aconteceu nesta manhã. Com Negão atrás das grades, todos os envolvidos no latrocínio já estão presos.

 

Negão, foi apresentado no 5º DP do Anjo da Guarda ao delegado Walter Wanderley. Contra o mesmo já havia um Mandado de Prisão Preventiva, expedido pelo Dr. Gilmar de Jesus Everton Vale, Juiz de Direito, respondendo pelo Plantão Criminal da Comarca da Ilha de São Luís.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.