Violência política não tem lugar nos EUA, diz Trump sobre envio de pacotes suspeitos

“Nestes tempos, temos que nos unir e mandar uma clara e inequívoca mensagem de que atos ou ameaças de violência política de qualquer tipo não têm lugar nos Estados Unidos da América”, disse o presidente Donald Trump ao comentar, nesta quarta-feira (24), os pacotes enviados com dispositivos aparentemente explosivos a Barack Obama, Hillary Clinton, entre outros.

Trump diz que recebeu informações das autoridades federais sobre o que chamou de “atos desprezíveis” e que “uma grande investigação federal” está em andamento. Ainda assim, não mencionou nenhum dos destinatários dos pacotes em suas observações, que incluem notórios desafetos democratas.Policiais fazem guarda na frente do Time Warner Center, em Nova York, depois que um pacote suspeito foi encontrado no prédio — Foto: Reuters/Shannon Stapleton

Policiais fazem guarda na frente do Time Warner Center, em Nova York, depois que um pacote suspeito foi encontrado no prédio — Foto: Reuters/Shannon Stapleton

Ainda assim, ele disse: “Estamos extremamente zangados, chateados, descontentes com o que testemunhamos esta manhã e vamos chegar ao fundo disso”.

Mais cedo, o vice-presidente Mike Pence expressou sua “condenação às tentativas de ataque contra o ex-presidente (Barack) Obama, os Clinton, a ‘CNN’ e outros”.

“Essas ações covardes são desprezáveis e não têm cabimento neste país. Estou agradecido pela resposta rápida do Serviço Secreto, do FBI e das autoridades locais. Os responsáveis deverão responder à Justiça”, acrescentou Pence.Imagem obtida pela rede NBC mostra uma das possíveis bombas apreendidas nos EUA — Foto: NBC

Imagem obtida pela rede NBC mostra uma das possíveis bombas apreendidas nos EUA — Foto: NBC

Dispositivos

Pacotes com dispositivos que aparentam ser explosivos mandados para diferentes personalidades americanas foram interceptados nesta quarta-feira (24). Nenhum deles chegou a explodir. Veja abaixo para quem foram mandados os pacotes:

  • Barack Obama, ex-presidente
  • Hillary Clinton, ex-primeira-dama
  • John Brennan, ex-diretor da CIA, e CNN
  • Debbie Wasserman-Schultz (deputada democrata pela Flórida), marcada como remetente em pacote endereçado errado ao ex-secretário de Justiça Eric Holder

Um agente especial do FBI, a polícia federal americana, disse à CNN que os dispositivos “pareciam ser bombas de cano” (bomba feita com um pedação de cano, um tipo comumente associado a fabricação caseira).

‘É um momento muito doloroso em nossa nação’, diz prefeito de Nova York
Jornal GloboNews Edição das 16h
'É um momento muito doloroso em nossa nação', diz prefeito de Nova York

‘É um momento muito doloroso em nossa nação’, diz prefeito de Nova York

FONTE G1

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.