Última noite do São João de Todos na Praça Maria Aragão reúne grande público

A orquestra de sopro e percussão empolgante, a dança das índias, índios, vaqueiros de fita e campeadores, e o boi, o personagem principal da manifestação culturais mais celebrada no Maranhão, patrimônio cultural do Brasil, levou milhares de pessoas para a última noite de programação do Arraial da Maria Aragão, na noite desta quarta-feira (29), dia de São Pedro. A programação do São João de Todos segue, com parceria entre o Governo do Estado e da Prefeitura de São Luís, nos demais arraiais oficiais e em espaços apoiados ao longo do mês de junho em vários bairros da cidade.

O São João de Todos teve início no dia 17 de junho com quatro arraiais oficiais mantidos pela parceria entre o governo do Estado e a Prefeitura de São Luís, outros dez grandes arraiais e mais dezenas de espaços apoiados pela parceria que caracterizam o caráter democrático do São João de Todos. A programação oficial, que encerraria no dia 30, foi estendida até o dia 2 de julho, com programação nos arraiais Mestre Marcelino, na Praça Nauro Machado, Donato Alves, no Ipem, e Humberto de Maracanã, no Parque Folclórico da Vila Palmeira.

“Fizemos uma programação ampla que alcançou os mais diversos arraiais em toda cidade. Por meio de nossa parceria com o governo do Estado, a festa mais expressiva da cultura popular do Maranhão recebeu a valorização que merece. Nossa gestão incentivou, inclusive, a preservação das manifestações culturais, por meio de uma politica de salvaguarda que incluiu, no arraial da Maria Aragão, várias apresentações de danças em risco de extinção, ajudando assim a preservar a tradição maranhense”, destacou o prefeito Edivaldo.

O secretário muncipal de cultura, Marlon Botão, também destacou positivamente da realização do São João de Todos. “Encerramos com muita alegria e satisfeitos pelo dever cumprido em oferecer para a população uma programação que contemplou mais de 200 grupos culturais e artistas, organizado com segurança e promovendo a economia local de nossos artesãos e comércio informal. É mais uma parceria de sucesso da Prefeitura de São Luís e Governo do Estado”, comemorou o secretário municipal de Cultura, Marlon Botão.

PÚBLICO

Segundo dados da Polícia Militar, o Arraial da Maria Aragão foi acompanhado por aproximadamente 80 mil pessoas durante os doze dias de festa. No sábado (25), mais de 4 mil pessoas prestigiaram a programação que teve avaliação positiva da população. “Acompanho os arraiais todos os anos. Costumo ir em cada lugar por onde nossa cultura passa, através das danças do tambor de crioula, do bumba meu boi, do cacuriá. E utilizo o chapéu de vaqueiro por ter carinho especial pelo bumba meu boi. Tudo me encanta nessa festa maravilhosa. O Arraial da Maria Aragão está de parabéns!”, afirmou a dona de casa Maria dos Santos.

A programação de encerramento contou com apresentação do Boi Mimoso da APAE; o Cacuriá Assa Cana; a Quadrilha Fogo Caipira; show com o grupo Folia de Três, com os cantores Emanoel de Jesus, Luciana Pinheiro e Serginho Carvalho; Boi Novilho Branco (alternativo); show com Alê Muniz e Luciana Simões; e encerramento com o Boi de Morros, que, este ano, completou 40 a

O Arraial da Maria Aragão foi organizado com a participação de mais de 200 grupos culturais, entre manifestações folclóricas, danças, expressões cênicas, artistas e trios de forró, selecionados por meio de edital público.

O Governo do Maranhão garantiu a participação de mais 20 grupos na programação e a Secretaria Municipal de Cultura (Secult) convidou grupos que mantém a salvaguarda de danças e expressões mais tradicionais, como o Boi de Eliézio (sotaque costa de mão), a Dança do Caroço Tremembés, a Dança do Coco Pirinã e a Dança do Lelê de São Simão. O projeto de salvaguarda da Secult tem com o objetivo de valorizar manifestações que estão praticamente extintas.

O edital também estimulou a participação dos bois centenários, como o Boi da Madre Deus, e realizou cortejo de bumba meu boi de orquestra na nona edição do projeto Clarins da Ilha.

A programação do São João de Todos no Arraial da Maria Aragão também contou homenagens ao compositor Papete, celebrado por todos os artistas que fizeram show no arraial, além da participação da cantora Rita Beneditto, que subiu ao palco da praça para cantar junto com o Boi de Santa Fé, em gravação do seu próximo DVD, no dia 28 de junho.

ECONOMIA

O Arraial da Maria Aragão também contou com uma área destinada a exposição de produtos artesanais de 60 artesãos e também a comercialização de comidas típicas em dez barracas.

SEGURANÇA

Mais de 200 profissionais estiveram envolvidos nos serviços de atendimento, como saúde, segurança, limpeza e infraestrutura, com apoio da Polícia Militar, Guarda Municipal, Batalhão de Choque da Guarda Municipal, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Civis e Militares e segurança privada que garantiram a tranquilidade das festas, sem nenhum registro de ocorrência grave.

Equipes da Secretaria Municipal de Saúde e da Coordenação Municipal de DST/AIDS e Hepatite Virais realizaram atividades de aconselhamento e orientação de prevenção contra doenças, com a distribuição de mais de 80 mil preservativos masculinos e femininos, além da distribuição de panfletos educativos e aferição de pressão, curativos, glicemia e medicação.

A programação do São João de Todos no Arraial da Maria Aragão teve o apoio também da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, Blitz Urbana e Secretaria Municipal de Turismo.unnamed

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.