Silvio de Abreu barra novela, ameaça cancelar série de Miguel Falabella e clima esquenta

O clima esquentou entre Silvio de Abreu e Miguel Falabella  nos  bastidores dos Estúdios Globo. O chefão da dramaturgia da emissora decidiu barrar uma sinopse de novela que o autor havia proposto para o horário das 19h e ainda chegou a ameaçar cancelar a nova série  de Falabella, “Eu, a Vó e a Boi” com uma única temporada. 

Segundo apurou o NaTelinha, tudo começou quando Silvio informou ao pessoal do Fórum de Dramaturgia da emissora que a série “Eu, a Vó e a Boi”, que Miguel vem escrevendo com a aprovação de Glória Perez, à época executiva de séries da Casa e que deixou a função há alguns meses, não teria segunda temporada. A notícia pegou todos de surpresa, uma vez que a primeira leva de episódios ainda está em processo de gravação.  Isso foi contra a ideia de Miguel, que pretendia escrever várias temporadas da história que é baseada num thread do Twitter.

Fontes próximas à dramaturgia da Globo acreditam que a decisão ocorreu por  a série não ter sido aprovada por Silvio de Abreu, mas por Glória, e que ele quer ter, inclusive no Globoplay, apenas produções que passaram por seu crivo. Como Perez não está mais à frente na gestão de novos projetos na área, tudo que foi aprovado por ela está sendo reavaliado.

O caldo entornou entre Miguel Falabella e Silvio de Abreu

O caldo entornou de vez, no começo de julho, quando o dramaturgo e ator apresentou uma sinopse para as 19h. A história acabou sendo reprovada pelo diretor, o que levou a um forte estramento entre os dois durante uma reunião na alta cúpula da emissora. 

Um ator próxima a Miguel confirmou a reunião tensa, e disse que teve direito a gritos e frases ríspidas, mas garantiu que o episódio foi superado. Mesmo assim, a sinopse de Miguel Falabella  não está entre as prediletas de Silvio de Abreu para a fila das 19h e pode ter sido engavetada.  Vale lembrar que na última semana a emissora carioca contratou Gustavo Reiz, oriundo da Record e que irá escrever justamente para a faixa, tendo sua estreia prevista para o segundo semestre do ano que vem, substituindo “Salve-se quem Puder”, de Daniel Ortiz.

Procurada pela reportagem, a Comunicação da Globo disse que não houve nenhuma discussão entre Silvio de Abreu e Miguel Falabella e que a informação não procede. A reportagem entrou em contato com o autor Miguel Falabella, que não respondeu até a publicação da reportagem.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.