Roseana e superintendente da Codevasf entregam 2.700 kits de irrigação e outros equipamentos a municípios

Pequenos produtores, piscicultores e produtores de leite de 54 municípios maranhenses foram beneficiados, nesta quarta-feira (2), com a aquisição de kits de irrigação, tanques de resfriamento de leite, tanques-redes, ração para piscicultura e computadores para projetos de inclusão digital. A entrega foi feita pela governadora Roseana Sarney e pelo superintendente da Codevasf, João Martins, em solenidade realizada no Palácio dos Leões, em São Luís, que contou com a participação de deputados, secretários de estado, entre eles Claudio Azevedo (Agricultura) e Anna Graziella Costa (Casa Civil), prefeitos, representantes do Sebrae, Ibama e  produtores dos municípios beneficiados.

Os investimentos, resultado de parceria entre o Governo do Estado e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf) somam R$ 4,2 milhões. “Estou muito feliz por entregar estes 2.700 kits de irrigação, fora os que já entregamos que somam 3.200 kits para os agricultores familiares. São kits de fácil manuseio e acredito que os agricultores vão se beneficiar bastante, pois agora não vão só ficar esperando a chuva, poderão produzir o ano inteiro e isso representa emprego e renda”, destacou a governadora Roseana Sarney.

“Junto com a Codevasf vamos, cada vez mais, apoiar nosso pequeno agricultor para que o Maranhão possa se desenvolver e crescer junto com eles”, completou a governadora lembrando que, ao longo do seu governo, os produtores têm sido beneficiados com tratores, implementos agrícolas, sementes selecionadas, construção de açudes, assistência técnica, criação da Lei de Incentivo Fiscal e a entrega de títulos de propriedades, que garante a posse da terra para as famílias.

O superintende da Codevasf, João Martins, destacou a parceria com o Governo do Estado e disse que nos 18 meses de atuação do órgão no Maranhão, já se investiu R$ 320 milhões em projetos de apoio ao pequeno agricultor. “Estamos, neste momento, dando continuidade a varias ações que estão sendo desenvolvidas e neste caso a entrega de 2.700 kits de irrigação que foram pensados e desenvolvidos para atender o agricultor familiar que ainda não produz em escala, mas que produz para subsistência e comercializa o excedente através do mercado formal ou institucional”, contou João Martins.

Para dar o apoio e fortalecer a cadeia produtiva leiteira e a piscicultura no estado foram entregues, também, 15 tanques de resfriamento de leite, 60 tanques-redes e 56,5 toneladas de ração para piscicultura. Também foram repassados 60 computadores para formação de laboratórios de inclusão digital para atender exclusivamente filhos de agricultores familiares, garantindo o acesso à internet, numa parceria com as prefeituras, Casas Familiares Rurais e Escolas Famílias Agrícolas.

O secretário de Estado de Agricultura, Claudio Azevedo, destacou que a entrega é resultado da parceria entre o Governo do Estado e o Governo Federal, através da Codevasf. “Isso mostra um momento muito importante da agricultura do Maranhão. Nós estamos com uma safra recorde batendo 4,5 milhões de toneladas de grãos, estamos com uma pecuária, hoje, classificada como zona livre internacional e isso já repercute no crescimento do abate de 30 mil bois, nos últimos três meses no estado” contou Claudio Azevedo, revelando que o Maranhão produz atualmente 1,4 milhão de litros de leite por dia.

Homenagem

Durante a solenidade, o secretário Claudio Azevedo entregou à Roseana Sarney o certificado internacional que garante ao Maranhão o status de livre da febre aftosa com vacinação e, ainda, uma placa em reconhecimento por seu governo por ter priorizado investimentos nessa área.

Prefeitos e agricultores presentes na solenidade destacaram a importância dos investimentos feitos pelo Governo do Estado e pela Codevasf para melhorar a vida dos produtores rurais. O prefeito de Viana, Francisco Gomes, disse que os kits vão possibilitar o aumento da produção e consequentemente a renda das famílias. “Nós criamos um programa no município, chamado Minha Terra minha Renda, que visa estimular e resgatar a agricultura familiar de Viana e esses kits, num total de 50 que estamos recebendo, vão beneficiar muitas famílias e dá um impulso a este nosso projeto”, contou.

“Viemos para receber estes kits que vão implementar a produção do município e melhorar o padrão de vida do trabalhador rural, que agora recebe um grande apoio dos governos estadual e federal”, disse o prefeito de Colinas Antônio Carlos Oliveira.

A secretária da Associação dos Produtores Rurais de Frechal, do município de Penalva, Lucilene Pinheiro, disse que os kits vão beneficiar muito a comunidade. “Esses kits são de grande valia, pois vão melhorar e aumentar a produção, então é um beneficio muito grande para nós”.

Kits de Irrigação

Os 2.700 kits de irrigação por gotejamento entregues aos municípios cobrem áreas de 500m² cada um, totalizando uma área irrigada de 135 hectares. O valor total investido é de R$ 1,12 milhão. A agricultura irrigada permite que o lavrador deixe de depender exclusivamente de condições climáticas para produzir, e ainda dá a oportunidade de colher duas ou mais safras. Ano passado foram distribuídos pela Codevasf 300 kits de irrigação por gotejamento em 15 municípios maranhenses, perfazendo uma área total irrigada de 15 hectares.

Durante a solenidade foi oficializada a distribuição de 15 tanques de resfriamento de leite – sendo sete com capacidade para armazenar até 1 mil litros, e oito que poderão armazenar até 2 mil litros, acrescentando mais R$ 156 mil ao total de investimentos com o objetivo de fortalecer a cadeia produtiva de leite no estado. Os tanques de resfriamento serão distribuídos a pequenas associações de produtores de leite.

Na área da piscicultura, serão distribuídos 60 tanques-rede e acessórios, além de 56,5 toneladas de ração para peixes. Também serão recuperados 12 viveiros da estação de piscicultura e sistema de captação e drenagem do Instituto Federal de Ensino Tecnológico (Ifma), do município de São Raimundo das Mangabeiras. Essas ações demandarão mais R$ 472,3 mil em investimentos.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.