Prefeitura discute Plano de Habitação para São Luís com comunidade acadêmica

A Prefeitura de São Luís discutiu na noite desta terça-feira (22), com alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Uniceuma, políticas públicas voltadas para o setor da habitação de interesse social em São Luís. O assessor especial da Prefeitura para Assuntos de Habitação, Geraldo Castro, apresentou o Plano de Habitação da capital e reforçou a importância do envolvimento e sensibilização da sociedade na construção conjunta dos projetos na área.

Castro frisou que, na elaboração de projetos ou mesmo na execução dos empreendimentos de habitação de interesse social, como o Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV), é necessária uma preocupação adicional com as peculiaridades locais. Ele atentou para as características exclusivas da zona rural, que devem ser consideradas. Para ele, é avanço significativo a permissão, por exemplo, da diversidade na tipificação das casas de um empreendimento, bem como o atrelamento de incentivos e projetos sociais ao MCMV.

Durante a palestra, Geraldo Castro apresentou ainda à plateia atividades do setor habitacional, dentre as quais destacou o acompanhamento dos imóveis construídos e daqueles a entregar e a começar, o aumento da meta física, a partir da captação com o Ministério das Cidades de novos empreendimentos, e a ênfase na qualificação de tais edificações. “Temos feito um esforço para demover os cidadãos das submoradias e dar a eles novas oportunidades de habitabilidade. Esse novo horizonte prevê projetos com construções diferenciadas, que atendam às demandas específicas e nos ajudem a promover avanços sociais efetivos”, disse.

Para o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, o contato com as universidades colabora para aperfeiçoar o desempenho da Prefeitura. “Faço questão de monitorar as apresentações de nossa equipe, porque são valiosos elementos de avaliação do trabalho do gestor responsável por determinado projeto quanto de conhecimento da percepção da comunidade como um todo acerca das ações da Prefeitura”, detalhou.

Os professores do curso Gilberto Sátiro, Aquiles Andrade e Fabiano Junqueira também fortaleceram o debate, com perguntas e intervenções. De acordo com o coordenador do curso de Arquitetura e Urbanismo do UniCeuma, Rogério Lima, a iniciativa da gestão municipal de compartilhar as dimensões dos projetos de habitação social em São Luís com os universitários é fundamental, principalmente nos últimos períodos da faculdade. Ele conta que o curso possui uma disciplina no oitavo período voltada exclusivamente para habitação popular. “É muito proveitoso receber uma palestra da Prefeitura nesta área porque é, para nós, um banho de realidade. Nós trabalhamos no âmbito da ideia, mesmo tentando contextualizar para o local”, disse o professor.

Ele comentou ainda que atividades que trazem à luz o trabalho das áreas técnicas da Prefeitura dentro do ambiente acadêmico permitem também o conhecimento do mercado profissional. “Essa participação é um acréscimo fantástico, inclusive para que os alunos tenham conhecimento das possibilidades de campo de trabalho”, ressaltou Rogério Lima.

Geraldo Castro aproveitou para convocar a comunidade acadêmica a participar do processo de fiscalização das obras e para aconselhar os alunos a dedicarem projetos de pesquisa ao segmento habitacional ludovicense.

Outra etapa de exposição dos programas executados na área habitacional da Prefeitura de São Luís está prevista para o dia 5 de novembro, às 18h30, no auditório do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Estadual do Maranhão (Uema).

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.