Prefeito Eduardo Braide se reúne com comitiva da Embaixada do Canadá no Brasil e debate parcerias para São Luís

A gestão do prefeito Eduardo Braide tem ampliado as parcerias institucionais da Prefeitura de São Luís para o desenvolvimento de projetos que melhorem o dia a dia da população da cidade. Na manhã desta terça-feira (28), o chefe do Executivo Municipal reuniu-se com a Embaixadora do Canadá no Brasil, Jennifer May. Durante o encontro foram discutidas parcerias entre a capital e o país norte-americano em áreas como turismo, cultura, meio ambiente, patrimônio histórico, inovação e sustentabilidade, entre outras. A comitiva da Embaixada Canadense no Brasil passará dois dias na região. Além de São Luís, também visitarão a cidade de Alcântara. 

O prefeito Eduardo Braide iniciou a reunião destacando que o encontro é uma oportunidade de estreitar os laços entre São Luís e o Canadá. “A nossa missão e de toda a equipe que compõe a Prefeitura é fazer de São Luís uma cidade inteligente, sustentável e humana. Estes são os nortes que guiam todos os projetos que temos desenvolvido desde o início do ano. E a conversa de hoje é importante para identificarmos que políticas públicas podemos construir juntos, São Luís e Canadá, para melhorar a vida da população”, afirmou. 

A Embaixadora do Canadá no Brasil, Jennifer May, questionou o prefeito Eduardo Braide sobre os efeitos da pandemia da Covid-19 em São Luís. O prefeito Eduardo Braide informou que a pandemia em São Luís, assim como em todo o Brasil, teve efeitos sociais e econômicos, além das consequências na rede de saúde, mas que a Prefeitura trabalhou para minorar os reveses, implantando medidas como o pagamento de auxílio emergencial nos períodos carnavalescos e juninos, a entrega de cestas de alimentos e o avanço da campanha de vacinação. 

“A vacinação contra Covid-19 foi uma das prioridades da nossa gestão. Implantamos uma rede independente para a aplicação das doses e, graças a este trabalho, São Luís é hoje a capital brasileira mais avançada com 90% da população imunizada, ou seja, que já tomaram as duas doses ou a dose única. Também já iniciamos a aplicação da terceira dose em idosos e profissionais de saúde. E já temos percebido os efeitos positivos do sucesso da nossa campanha. O nosso fluxo de turistas tem aumentado nos últimos meses, pois todos têm percebido em nossa cidade um destino seguro neste momento”, assegurou. 

Jennifer May afirmou que São Luís é uma cidade importante e destacou a cultura e o meio ambiente locais. “Esta é a primeira vez que visitamos São Luís do Maranhão, uma cidade importante pela sua cultura e pelo seu meio ambiente. São Luís é a nossa primeira visita oficial desde o início da pandemia de Covid-19. Acreditamos que podemos desenvolver uma boa parceria em diversas áreas, fazer um intercâmbio cultural e em outros projetos que trarão melhorias.”, disse. 

O prefeito Eduardo Braide ressaltou que a gestão municipal tem vários projetos já em execução e outros em fase de elaboração e que a parceria com o Canadá garantiria a execução mais rápida. Entre eles, está um projeto para a implantação de um sistema de mobilidade urbana integrado e sustentável que privilegie o uso de meios de transportes não emissores de CO², como bicicleta.

Para a região do Centro Histórico, o chefe do Executivo Municipal frisou as obras do programa Centro Acessível e o sorteio das moradias de interesse social do programa de Habitação do Centro Histórico, dois investimentos fundamentais para garantir a sustentabilidade da área. 

Aumento do turismo

Com o avanço da vacinação, o fluxo de turistas na cidade tem aumentado. Desde junho, a taxa de ocupação da cidade passou de 40% para 60% e são Luís está entre as cidades mais procuradas na região Nordeste. Por isso, entre as propostas para a área do turismo foram debatidas possibilidades de investimento canadense na cadeia turística local, além do intercâmbio de jovens canadenses na capital. 

Foram tratadas, ainda, ações de educação ambiental, gestão de resíduos sólidos, iluminação pública, intercâmbio cultural entre outras que atendem aos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU). 

Além da embaixadora, a comitiva canadense foi composta pelo ministro-conselheiro da Embaixada do Canadá no Brasil, Juan Pablo Valaes; o Adido de Defesa da Embaixada do Canadá, coronel RJ Fitzgerald; e a assessora de Relações Políticas do Canadá, Ana Luíza Matos de Oliveira. 

O prefeito Eduardo Braide recebeu a representação canadense acompanhado dos secretários municipais de Turismo, Saulo Santos; de Cultura, Marco Duailibe; do Meio Ambiente, Karla Lima; de Inovação, Sustentabilidade e Projetos Especiais, Verônica P. Pires; a presidente da Fundação Municipal do Patrimônio Histórico, Kátia Bogéa; e o secretário-adjunto de Governo, Emílio Murad. 

Ao fim do encontro, o prefeito Eduardo Braide entregou à embaixadora Jennifer May um quadro com uma reprodução da sede da Prefeitura de São Luís, o Palácio de La Ravadiére, que faz parte do acervo arquitetônico reconhecido como Patrimônio Cultural Mundial pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), em 1997. Toda a comitiva canadense recebeu, ainda, uma moldura com a reprodução das fachadas de azulejaria características do Centro Histórico da capital. 

Em agradecimento, Jennifer May entregou ao prefeito Eduardo Braide uma caixa contendo uma folha do Plátano-bastardo, a árvore nacional do Canadá, também conhecido como Maple Tree, em inglês, ou Érable, em francês, as duas línguas oficiais do país. O presente também é feito de madeira da árvore. 

O prefeito Eduardo Braide também convidou a comitiva canadense a fazer um roteiro pelos principais pontos turísticos de São Luís organizado pela Setur, Secult e Fumph.

Fonte da matéria postada: Assessoria da Prefeitura de São Luís

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.