Polícia procura assassino que matou “Bruno Astér”, em casa de eventos na Cidade Operária

csa

Por Edilson Julião e Almeida Pontes

As autoridades policiais investigam para identificar o homem que matou o ex-presidiário Bruno Eduardo de Sousa Campos, o “Bruno Astér”, de 23 anos. Ele foi assassinado com vários tiros no último domingo, em uma casa de eventos localizada no Bairro Cidade Operária. “Bruno Astér” não resistiu à gravidade dos ferimentos recebidos e morreu no local.

Segundo informações passadas por fontes policiais, um mototaxista não identificado seria o principal suspeito de efetuar os disparos que tiraram a vida de Bruno.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.