Othelino Neto acompanha chegada de lote da vacina contra o coronavírus ao Maranhão

Fonte: Jéssica Barros – Agência Assembleia / Foto: Biaman Prado / Agência Assembleia

Ao lado de Carlos Lula, Jefferson Portella e Diego Galdino, Othelino Neto confere dose da vacina CoronaVac, após chegada do imunizante no aeroporto de São Luís

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), acompanhou, na noite de segunda-feira (18), no Aeroporto Internacional de São Luís, a chegada  do 1º lote das doses da vacina CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan, para a imunização contra a Covid-19. O chefe do Parlamento estadual estava acompanhado dos secretários Carlos Lula (Saúde), Jefferson Portella (Segurança) e Diego Galdino (Governo).

“É o início de uma vitória contra o coronavírus, que, infelizmente, tem afetado milhares de famílias no mundo inteiro. A vacinação em nosso Estado começa com cerca de 160 mil doses e a nossa expectativa é que, à medida que forem chegando novos lotes, mais maranhenses sejam imunizados”, afirmou Othelino.Biaman Prado / Agência Assembleia

Othelino Neto disponibilizou a estrutura e logística da Alema para o transporte das doses aos municípios maranhenses. “Por entendermos que é necessário uma ampla mobilização, oferecemos ao Governo do Estado veículos e o que mais fosse necessário para a chegada das doses às regionais. Todos juntos para combater esse inimigo invisível, mas cruel”, completou. 

Após a aterrissagem da aeronave, as cerca de 160 mil doses da vacina foram levadas à câmara frigorífica do Hospital Genésio Rego, na Vila Palmeira. De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, as vacinas começarão a ser transportadas aos municípios a partir desta terça-feira (19).

“Já temos uma equipe pronta para separar as doses, de forma que possam chegar logo às regionais. Além dos aviões e helicópteros já disponibilizados, também contaremos com o apoio da Assembleia Legislativa, que nos dará esse suporte para agilizar o processo e fazer com que a imunização chegue o mais rápido possível ao interior do estado”, explicou Carlos Lula.

Os lotes de vacina CoronaVac chegaram sob a escolta da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal. O secretário de Segurança Pública, Jefferson Portella, garantiu a continuidade da segurança na distribuição do imunizante aos municípios. 
“Daremos toda a segurança policial, como foi estabelecido pela Secretaria de Saúde. Vamos garantir o transporte e a permanência segura no interior, para que a população tenha tranquilidade no acesso à esperada vacina”, afirmou Portella.Biaman Prado / Agência Assembleia

Imunização

Ainda na noite de segunda-feira, profissionais de saúde do Maranhão receberam as primeiras doses da CoronaVac no estado.  A técnica de enfermagem Egle Maia Sousa foi a primeira maranhense a ser imunizada contra o coronavírus. Fabiana Guajajara, de origem indígena, da aldeia Arariboia; a médica infectologista Conceição de Azevedo; o fisioterapeuta Henrique Novaes sobrinho e a enfermeira Sônia de Matos também foram vacinados contra a Covid-19, em ato realizado com a presença do governador Flávio Dino.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.