O Dia do Agente Penitenciário para Cézar Bombeiro é de reflexão e luta por concurso público e salários dignos

O vereador Cézar Bombeiro (PSD), que é agente penitenciário e diretor da Federação Nacional dos Servidores do Sistema Penitenciário – Fenaspen, disse que o Dia do Agente Penitenciário é mais um importante momento para discussões e avaliações de todo o Sistema Penitenciário do

Maranhão.

“O Governo do Estado, quando não faz concurso público para colocar mais servidores públicos dentro das unidades prisionais, procura enfraquecer a organização sindical da categoria e ao colocar o pessoal terceirizado para exercer funções semelhantes aos dos agentes penitenciários com salários e direitos bastante reduzidos, o poder público explora homens e

mulheres, que com o concurso público com certeza estariam dentro do sistema pela própria capacidade intelectual”, diz Cézar Bombeiro.

Segundo ele, infelizmente, hoje o nosso Sistema Penitenciário conta com 25% de agentes concursados e outros 75% que são formados por temporários, para o Conselho Nacional de Justiça fazem parte do quadro de agentes penitenciários do Estado e somam para mostrar quantos são para cada preso.

Continuando argumenta que pelos riscos a que são expostos todos os dias e as péssimas condições de trabalho são fatores sérios para todos os agentes penitenciários concursados e terceirizados, principalmente estes últimos que praticamente trabalham em condições um pouco diferente de escravidão, além de não poderem fazer qualquer reclamação sob a pena de perde o emprego. “Nós como sindicalistas temos que lutar e defender essas pessoas”, destaca o diretor da Fenaspen Para finalizar enfatiza que “há necessidade de voltarmos a uma

organização sindical mais atuante com discussões amplas inerentes a categoria e uma luta bem definida em busca de melhorias salariais, nem que necessário seja o caminho da justiça, quando não houver dialogo e respeito aos direitos e a dignidade das pessoas”, afirmou Cézar

Bombeiro.

Texto: Da Assessoria do Vereador

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.