Meninas entre 11 e 13 anos já podem tomar 2ª dose da vacina contra o HPV

Todas as meninas que possuem entre 11 e 13 anos, e que já tomaram a primeira dose da vacina contra o HPV já podem tomar agora a segunda dose.

A imunização contra o HPV é feita com três doses da vacina. No mês de março do ano passado o Ministério da Saúde deu início a vacinação com a aplicação da primeira dose. A segunda é realizada seis meses depois da primeira e, é por meio dela que o organismo da menina fica protegido contra a doença. A terceira e última dose serve para reforçar e manter a humanização, e deve ser aplicada cinco anos depois da primeira dose.

Em alguns municípios do Maranhão a vacina está tendo uma baixa procura. Como é o caso da cidade de Santa Inês, a 250 km de São Luís, onde segundo a Secretaria de Saúde, a segunda etapa da vacinação não teve nem a metade da meta atingida.

Para que o número de meninas infectadas seja o menor possível na cidade, relatórios com os nomes e endereços delas estão sendo entregues nas unidades básicas de saúde para que os agentes comunitários possam localizá-las e aplicar as dosagens.

Mas nem todas estão esperando a visita dos agentes comunitários. Como é caso da estudante Gislaine Pinheiro Nascimento que afirma que vai procurar, o quanto antes, uma unidade de saúde para receber sua segunda dose. Ela diz que reconhece a importância da imunização para o seu bem estar. “Essa é uma doença que atinge muitas mulheres e acho importante eu também ter a oportunidade de prevenir o câncer de colo de útero”.

A infecção pelo HPV é muito comum e nem sempre resulta em câncer. O exame de prevenção do câncer ginecológico, o Papanicolau, pode detectar alterações precoces no colo do útero e deve ser feito rotineiramente por todas as mulheres.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.