Mais de 140 migrantes desaparecem após naufrágio no Mediterrâneo

Um jovem migrante gambiano socorrido na terça-feira (28) no Mar Mediterrâneo contou que saiu da Líbia a bordo de uma embarcação que naufragou e que outros 146 passageiros desapareceram, informou nesta quarta-feira (29) a Agência da ONU para os Refugiados (ACNUR).

O adolescente, que zarpou no domingo ou segunda-feira de Sabrata (noroeste da Líbia), foi socorrido por um navio militar espanhol da operação europeia contra as redes de tráfico humano e hospitalizado durante a noite em Lampedusa, a ilha italiana mais próxima do litoral africano.

Fim de semana

Navios humanitários resgataram quase 1.200 imigrantes que estavam cruzando o mar Mediterrâneo no fim de semana em uma série de barcos pequenos e lotados, disse a instituição Médicos Sem Fronteiras no domingo (26).

Cerca de 412 pessoas estavam amontoadas em um único barco de madeira, enquanto as outras foram apanhadas de imensos botes infláveis, que tinham zarpado da costa da Líbia.

Contabilizando os resgates do fim de semana, cerca de 22 mil imigrantes, principalmente africanos, foram resgatados neste ano, enquanto cerca de 520 morreram tentando fazer a travessia.

Cerca de 520 migrantes morreram tentando fazer a travessia neste ano (Foto: Yannis Behrakis/Reuters)

Cerca de 520 migrantes morreram tentando fazer a travessia neste ano (Foto: Yannis Behrakis/Reuters)

 FONTE: G1

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.