Justiça obriga o Maranhão a pagar R$ 100 mil de indenização a famílias de presos mortos

peeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

A Justiça Federal determinou que o governo do Maranhão pague indenização aos parentes de 64 presos mortos em rebeliões no presídio de Pedrinhas.

Juiz Clodomir Reis, da 3ª Vara Federal considerou que a morte dos 64 presos, entre janeiro de 2013 e janeiro de 2014, gerou um dano coletivo para as famílias. O valor da indenização foi fixado em R$ 100 mil para a família de cada preso assassinado. Também será paga uma pensão vitalícia aos familiares, no valor de um salário mínimo. O estado do Maranhão também foi condenado a indenizar as vítimas da violência ordenada de dentro do sistema penitenciário.

Em 2014, quatro pessoas ficaram feridas e uma criança de seis anos morreu após um ataque a ônibus e a ordem teria partido da penitenciária de Pedrinhas. Márcio Ronny da Cruz teve 72% do corpo queimado ao salvar um grupo de passageiros que estava no ônibus em chamas.

Em nota, o governo do Maranhão disse que pretende recorrer da decisão.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.