Juiz de futebol confessa que errou em derrota do Corinthians para o Boca Juniors em 2013

Carlos Amarilla sabe que errou na partida que eliminou o Corinthians da Taça Libertadores de 2013, contra o Boca Juniors, nas oitavas de final. Jogo marcado por uma série de marcações equivocadas do trio de arbitragem. Mas nega que tenha sido corrompido. Citado em uma escuta telefônica na Argentina, em que Julio Grondona, ex-presidente da AFA (Associação de Futebol da Argentina), mostrava influência na escalação dele para a partida, o árbitro paraguaio diz desconhecer as causas da citação.

– A verdade é que não temos nem ideia. Nós somos árbitros e respondemos à Conmebol. O senhor Nico apresentou uma nota para a Associação Paraguaia de Futebol pedindo desculpas e explicando a situação – disse ele ao repórter Andre Hernan, em entrevista exclusiva, exibida em uma emissora de tv.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.