Inter faz único treino na casa do Tigres com forte calor e time “escondido”

Muito calor, pouca iluminação e sem time escalado. Em ambiente de descontração e tranquilidade, o técnico do Inter promoveu o t

Em nenhum momento, Aguirre promoveu trabalho técnico ou deu indício de escalação, embora já tenha definido o time – conforme revelou em coletiva nesta terça. A principal dúvida recai no ataque. Para deixar o time mais veloz na casa do adversário, há a chance de Eduardo Sasha atuar na função de Lisandro López.

Após um trabalho forte de aquecimento, os atletas realizaram apenas um recreativo. Todo com muita brincadeira e cornetas, em trabalho em que somente era possível ver as silhuetas dos atletas.

Ao final, muita hidratação por conta do calor. E um fator curioso: enquanto os atletas se alongavam, William e Eduardo Sasha seguiam o trabalho com bola. Se estenderam um pouco mais no gramado.

rabalho de reconhecimento no campo Universitario, a casa do Tigres em Monterrey. Sob temperatura de 34C, o técnico Diego Aguirre promoveu um rachão e manteve dúvidas na equipe.

O trabalho todo foi realizado praticamente sem iluminação. Os organizadores do estádio somente ligaram todos os refletores ao final do trabalho, o que gerou ironia de D’Alessandro.

– Só agora vai ligar? – disse o gringo.

A provável escalação do Inter para a decisão tem: Alisson; William, Ernando, Juan e Geferson; Rodrigo Dourado, Aránguiz, D’Alessandro, Valdívia e Eduardo Sasha (Lisandro López); Nilmar.

No jogo de ida, com tempo chuvoso de Porto Alegre, o Inter venceu por 2 a 1, no Beira-Rio. Resta saber como se sairá o clube gaúcho no Universitário, jogo em que seria quente por si só, somente pelo grau de dificuldade e importância.

 

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.