Índio estupra a própria filha de 14 anos

Foi preso na manhã desta terça-feira (24), em Santa Cruz Cabrália, o índio Joel Máximo Pinheiro, de 54 anos. Segundo a Polícia Militar, ele é acusado de ter estuprado a própria filha de 14 anos. O indígena, que é de uma aldeia pataxó em Coroa Vermelha, já estava com mandado de prisão decretado pela justiça de Cabrália. A reportagem ainda não conseguiu ouvir a versão de Joel, que está custodiado na delegacia Territorial daquele município. *Radarindio64.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.