Grupos folclóricos fazem a festa no São João de Ribamar

Público aprovou programação diversificada e composta somente por agremiações do município. Programação dos arraiais no www.sjr.ma.gov.br

Grupos folclóricos genuinamente ribamarenses fizeram a festa na noite deste último sábado (21) na abertura oficial do São João 2014 do município de São José de Ribamar, evento cultural e turístico organizado pela administração do prefeito Gil Cutrim (PMDB).

A festança junina, que terá prosseguimento até o dia 06 de julho, com o tradicional Lava-Bois, está acontecendo nos sete arraiais oficiais – Sede (Parque Municipal do Folclore Therezinha Jansen, na orla marítima), Vilas (Vila Flamengo), Matinha (sede do Bumba-Boi), Parque Vitória (Praça do Rodão), Panaquatira (Viva), Rio São João (Viva) e Piçarreira (Viva) – e em outras dezenas de terreiros juninos espalhados pela cidade e que estão recebendo total apoio da Prefeitura. A programação completa do São João ribamarense pode ser conferida no www.sjr.ma.gov.br

“A festa está linda principalmente porque o público, formado por moradores e visitantes, está tendo a oportunidade de desfrutar com segurança de uma programação com agremiações somente da terra. Acho que investir nos grupos culturais da cidade é uma ação importante que deve, sim, servir de exemplo”, disse a professora Elisabeth Ribeiro, que na noite de sábado curtiu a programação dos arraiais das Vilas e do Parque Municipal do Folclore Therezinha Jansen (Sede).

Para o comerciante Ronaldo Mendes, a exemplo do Carnaval, o período junino em São José de Ribamar está movimentando a economia da cidade, principalmente devido ao fato da programação ter sido, mais uma vez, descentralizada. “Em cada região da cidade tem um arraial bem estruturado e com uma programação muito boa, com grupos do município. Tal situação faz com que o dinheiro circule de forma mais rápida beneficiando uma cadeira produtiva formada por vários segmentos”.

Presente na abertura dos festejos juninos, o prefeito Gil Cutrim disse que, apesar das dificuldades financeiras pelas quais passam todos os municípios brasileiros, investir na cultura significa investir na geração de trabalho e renda, o que movimentada, ainda, outros setores da cidade, como o do turismo e gastronomia, por exemplo.

“A festa está linda, segura e com uma programação muito boa formada somente por grupos culturais de Ribamar. Tenho certeza que este será um dos melhores festejos juninos de todos os tempos do município”, afirmou Cutrim.

 

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.