Governo destina leitos exclusivos para casos de Covid-19 no Hospital Regional de Chapadinha

O Governo do Estado segue investindo na saúde pública e ampliando a rede de atendimento às pessoas diagnosticadas com o novo coronavírus no interior do Maranhão. Desta vez, a estrutura exclusiva foi criada no Hospital Regional de Chapadinha, dando melhores condições de assistência à população da região. O investimento faz parte da estratégia do poder público estadual para minimizar os impactos da pandemia no interior do estado.    

“Com o aumento de casos no interior do Maranhão, nossos esforços se voltam para o fortalecimento da assistência especializada nas cidades. Os hospitais regionais e macrorregionais cumprem um importante papel na rede de saúde e, diante da pandemia, vêm sendo preparados para atender casos da Covid-19. Em paralelo, estamos alinhando cada vez mais o nosso diálogo com as prefeituras visando conscientizar a população para a necessidade do distanciamento social, a higienização das mãos e o uso de máscaras”, disse o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula. 

Os leitos exclusivos montados no Hospital Regional de Chapadinha, para tratamentos de diagnosticados com Covid-19, serão ocupados por pessoas reguladas via Controle Integrado de Leitos (CIL). São 32 leitos exclusivos para os casos de Covid-19, sendo 20 clínicos e 12 de UTI. Uma equipe multiprofissional formada por Médicos, Enfermeiros, Técnicos de Enfermagem, Serviço Social e Psicólogos darão assistência especializada por turno. 

Segundo o diretor geral do hospital, Francisco de Assis, os leitos já foram entregues e começaram a ser usados. “A inserção de novos leitos resultará em um impacto positivo nas ações realizadas pelo Estado para o enfrentamento da doença. Com a estrutura, conseguiremos fazer a absorção dos pacientes com maior celeridade ao leito de destino”, destacou.

Mais Investimentos

O Governo do Estado abriu mais de 1.400 leitos exclusivos para coronavírus em todo o estado. O poder público estadual segue reforçando as estruturas no interior do estado, inclusive com obras para abertura dos novos hospitais nas cidades de Lago da Pedra, Santa Luzia do Paruá e Viana.

Fonte: SES

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.