Gato fica preso em obra no Centro Histórico em São Luís

A principal avenida comercial de São Luís, a Rua Grande, situada no Centro Histórico da capital, está em obras e durante a construção da galeria um gato ficou preso e ainda não conseguiu sair do local. Ele está sendo alimentado pelos vendedores que trabalham no espaço.

Segundo quem trabalha na Rua Grande, o Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer o resgate, mas não foi possível fazer a retirada do gato. O bueiro até foi aberto, mas não tem acesso para a galeria. Enquanto isso, o animal já está preso há sete dias.

O estudante Bruno Oliveira já tentou várias vezes resgatar o animal da galeria, mas ele conta que é preciso quebrar uma das pedras para salvar o felino. “Assim como nós não gostamos de estar presos um animal também não gosta de está preso. Deve está lá angustiado, doido para sair, com medo”.

Bruno acrescenta que por várias já procurou por uma solução com os responsáveis pela obra, no entanto, até o momento, nada foi resolvido. “A gente já ligou para o Corpo de Bombeiros e eles disseram que não podiam fazer nada, que tinham que ter autorização dos encarregados da obra. Se ele está vivo até hoje é graças a gente aqui. A gente mora aqui próximo da Rua Grande”, finalizou.

A equipe do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), responsável pela fiscalização da obra, disse que ainda não foi informada sobre a situação do gato preso, contudo entende que o Corpo de Bombeiros tem autonomia legal para atuar, independentemente de autorização do Iphan.

Gato está preso em galeria situada na Rua Grande no Centro Histórico de São Luís — Foto: Reprodução/TV Mirante

Gato está preso em galeria situada na Rua Grande no Centro Histórico de São Luís — Foto: Reprodução/TV Mirante

FONTE G1

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.