Estudantes da rede estadual são destaque em premiação do Ministério Público

Em clima de festa, estudantes da rede estadual de escolas localizadas nos municípios de Nova Olinda, Santa Luzia do Paruá e Presidente Médici foram premiados, nessa quarta-feira (29), no ginásio poliesportivo de Santa Luzia do Paruá, pelo projeto Ler, Escrever e Pensar: conscientizar para Transformar, promovido pelo Ministério Público do Maranhão.

Os estudantes receberam prêmios pelas melhores redações do 9º ano e ensino médio. A iniciativa leva a discussão para as escolas sobre a temática corrupção. Este ano o livro adotado foi ‘O que faz o brasil, Brasil?’, do autor Roberto DaMatta.

Secretário Felipe Camarão destaca parceria do Governo do Estado com o MP. (Foto: Vinícius Costa)

Secretário Felipe Camarão destaca parceria do Governo do Estado com o MP. (Foto: Vinícius Costa)

Participaram o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, membros do Ministério Público, representantes do Executivo Municipal, das secretarias municipais de Educação e escolas participantes.

“O projeto foi importante para incentivar a escrita e a leitura. Foi bom também para ajudar no Enem. Agradeço aos professores e as instituições que promoveram esse momento”, ressaltou a Raquel Queiroz Carvalho, 16 anos, do terceiro ano do Centro de Ensino Cleobeto de Oliveira Mesquita, que conquistou o primeiro lugar no concurso.

O secretário Felipe Camarão destacou a importância do concurso que levou os estudantes à reflexão sobre o tema corrupção. “Só se combate corrupção com a educação. Esse é um projeto que tem produzido bons resultados em todas as regiões nas quais foi desenvolvido, porque além de incentivar a leitura, conscientiza os estudantes sobre os diferentes tipos de corrupção e como combatê-la”, apontou.

“Foi muito bom porque trabalhou dentro da escola esse tema tão importante para todos nós e que é bem atual”, concluiu Elisvaldo Sousa de Araújo, 18 anos, do terceiro ano.

O Ler, Escrever, Pensar objetiva estimular a leitura e produção textual de estudantes da rede pública acerca da corrupção no Brasil. Este ano, já são 25 municípios no Maranhão que participam do projeto.

Solenidade reuniu autoridades, professores, estudantes e pais. (Foto: Vinícius Costa)

Solenidade reuniu autoridades, professores, estudantes e pais. (Foto: Vinícius Costa)

FONTE: GOVERNO DO ESTADO

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.