Encontro promovido pelo Sebrae em Pinheiro prospecta mais de R$3,2 milhões em negócios

Com 85 empresas inscritas e uma prospecção de negócios de mais de R$ 3 milhões e 200 mil reais, o primeiro Encontro de Negócios do Litoral Ocidental e Baixada Maranhense, promovido pelo Sebrae Maranhão, por meio da sua unidade regional em Pinheiro, se consolida como um dos maiores eventos de mercado no Maranhão em 2018.

O objetivo do encontro, realizado no último dia 05, foi apresentar uma nova oportunidade de negócios para empresários locais, por meio da aproximação de suas micro e pequenas empresas, de empresas compradoras de maior porte, promovendo o acesso ao mercado de forma sustentável e transformando o encontro em um importante instrumento de promoção de negócios, para ambos os participantes, tanto compradores, quanto fornecedores.

Para o diretor superintendente do Sebrae Maranhão, João Martins, é essencial promover este tipo de evento para que o empresário conheça alternativas de mercado e vantagens que possam tornar os seus negócios mais competitivos e claro, ampliar o leque de possibilidades de negócios para as empresas participantes.

“O objetivo é oportunizar negócios entre as empresas participantes, favorecendo crescimento e geração de mais emprego e renda, pois quanto mais o pequeno vende, mais ele cresce, amplia sua capacidade produtiva e, consequentemente, precisa de mais capital humano para o trabalho. O Sebrae, certamente, vai dar continuidade a esse processo de proporcionar aos pequenos negócios um ambiente ideal de oportunidades e com isso a instituição mantém-se firme em criar um ambiente propício para o desenvolvimento dos pequenos negócios maranhenses, incluindo os daqui da baixada e do litoral ocidental”, disse Martins.

Antes de participarem da rodada de negócios, os empresários do litoral ocidental, da baixada maranhense e de diversas partes do estado, tiveram a oportunidade de expor os seus produtos e serviços em uma exposição montada no espaço e contou com 45 stands das mais variadas empresas. Somente neste espaço, durante o evento, quase R$ 600.000,00 (seiscentos mil reais foram comercializados).

O empresário, Takamori Chuman, de Central do Maranhão, proprietário da empresa de molhos de pimenta Nippon, garantiu que a participação no encontro abriu novas possibilidades e que ele já estuda ampliar a sua produção anual, que hoje ultrapassa 120 mil unidades, com um total de mais de 24 mil litros de molho de pimenta produzidos anualmente.

“Eu já estou ficando experiente na participação destes encontros promovidos pelo Sebrae, do qual virei parceiro fiel. Participei recentemente do Encontro Internacional de Negócios do Nordeste (EINNE) e de encontros de negócio em outras regiões do estado, por isso não poderia deixar de participar deste. O encontro serviu, na verdade, para que eu possa projetar crescimento para minha empresa em 2019, irei aumentar meu mix de produtos e a minha capacidade produtiva para atender a todas as demandas que eu prospectei aqui”, disse Takamori.

Prestigiando o evento, o coordenador estadual do Programa Comércio Brasil e diretor técnico eleito do Sebrae Maranhão, Mauro Borralho, destacou a capacidade produtiva que as regiões apresentam.

“O litoral ocidental e a baixada maranhense são regiões com amplas possibilidades de crescimento, acreditamos que os negócios aqui instalados tendo o acompanhando devido e o interesse do empresariado em buscar oportunidades de mercado, terão um excelente crescimento. O Comércio Brasil é mais uma ferramenta que o Sebrae Maranhão coloca à disposição destes empresários locais que buscam o desenvolvimento sustentável dos seus negócios”, destacou Borralho.

Para a gerente regional do Sebrae em Pinheiro, Graça Fernandes, este primeiro encontro de negócios foi o piloto para um evento ainda maior e mais audacioso que deverá ser realizado na região em breve.

“Fizemos na verdade com este evento uma experimentação de como o empresariado local reagiria a uma iniciativa desta natureza, a ideia é no próximo ano realizar algo ainda maior e que gere resultados ainda mais fantásticos do que os que foram gerados este ano”, afirmou Fernandes.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.