Eletricista é executado na feira do Anjo da Guarda por traficantes

Por Mauro Garcia

Foi assassinado, na tarde desta quinta – feira (25), Um homem identificado pelo nome de, Célio Santos, de 33 anos, Vulgo Pezão.  Segundo as primeiras informações prestadas ao blog, Ele teria sido executado dentro de um açougue, localizado na feira do bairro do Anjo da Guarda, por quatros elementos desconhecidos  que estavam em sua perseguição.

Célio trabalhava de fachada em uma empresa de mineradora, que prestava serviços  para a Companhia Vale, quando na verdade, era  o chefão de uma rede criminosa de tráfico de drogas, instalada na localidade< Mangueirão>, área do bairro do Anjo da Guarda.

Ligações com o crime        

De acordo com as apurações deste blog, junto a um jornal local, Célio Carneiro, estaria junto com a sua esposa dentro de carro FIAT – UNO , cor prata, estacionado em frente ao Supermercados Carone,na  avenida principal, quando 4 desconhecidos apareceram e efetuaram os primeiros tiros que atingiram seu abdome, ainda ferido , Pezão correu e entrou dentro de um açougue, onde caiu, e os assassinos que estavam encapuzados, aproveitaram para terminar o serviço. Ele ainda foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ( SAMU), mais nãos resistiu aos ferimentos, morrendo em seguida.

Célio estaria ligado a um crime cometido no mês de setembro de 2015, quando foi morto o traficante Viceslan Sobreiro Lima, o “Funil”.

Depois do assassinato os criminosos tentaram matar também a esposa doo suposto traficante que estava morto, sendo ela salva por um policial que estava de folga e passava pelo local, e ainda trocou tiros com os quatro elementos, que conseguiram fugir.

Pezão como era chamado, comandava um verdadeiro quartel de tráfico de drogas, nas regiões do Anjo da Guarda, Gancharia e Alto da Vitória.

 

IMG-20160225-WA0047

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.