Desembargador Paulo Velten lança livro no Superior Tribunal de Justiça

O desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão Paulo Velten Pereira lança, terça-feira (25), a partir das 18h30, no Espaço Cultual do Superior Tribunal de Justiça (STJ), o livro “Tutela Judicial e Novos Modelos Decisórios” (Editora Juruá).

O livro é um importante suporte para a construção de modelos jurídicos decisórios na solução de controvérsias de natureza contratual, em contraposição ao ativismo judicial no processo normativo.

O desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão, Paulo Velten produziu a obra a partir da constatação de que a atividade jurisdicional, no âmbito dos contratos, encontra-se fortemente influenciada pela defesa de novos paradigmas contratuais representados por princípios e conceitos vagos.

Segundo o desembargador Paulo Velten, o problema resulta em excessiva intervenção na autonomia privada, gerando a desagregação de contratos validamente ajustados, a frustração de expectativas e o desarranjo do mercado, criando um estado de crise, que não reside no contrato, mas na jurisdição.

“Ordinariamente preenchidos sem apoio no sistema de Direito privado e auxílio da dogmática contratual, o tema é tratado com base em considerações pessoais, julgamentos de consciência e valores estranhos aos fins econômicos do contrato”, explica o autor.

Apoiado na Teoria dos Modelos do Direito do jurista Miguel Reale, Velten defende que é preciso restabelecer a conexão com as estruturas normativas concebidas como fontes do Direito, atualizando seus conteúdos com base nas transformações operadas na sociedade pós-moderna, numa integração de fatos segundo valores.

MODELO

Para o desembargador, é necessário produzir modelos de tutela judicial que levem em consideração a liberdade contratual e o respeito ao cumprimento dos ajustes, que integrem cláusulas gerais e princípios com unidade de sentido e concordância prática.

“Nesse sentido, deve-se conservar contratos sempre que possível, tomando como critério de maior ou menor intervenção as diferentes situações jurídicas existenciais e patrimoniais, recuperando-se a confiança, a previsibilidade e a segurança jurídica próprias do velho instituto”, assinala.

SOBRE O AUTOR

Paulo Sérgio Velten Pereira é doutor e Mestre em Direito Civil pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Especialista em Direito dos Contratos pelo Centro de Extensão Universitária de São Paulo. Especialista em Direito Processual Civil pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Especialista em Direito Empresarial pela Universidade Mackenzie de São Paulo. Professor da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão.

Comunicação Social do TJMA
asscom@tjma.jus.br
(98) 3198.4370

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.