Concluído inquérito policial do caso do bebê de dois meses abusado sexualmente

Foi concluído o inquérito policial sobre o caso do bebê morto após ser torturado e abusado sexualmente no último dia 2, na cidade de Dom Pedro. Os pais são apontados como os principais acusados.

De acordo com o delegado João Macelino, o exame cadavérico apontou lesões nos órgãos genitais e uma testemunha presenciou o pai colocando um cotonete na região íntima do bebê.

Dez testemunhas foram ouvidas, entre vizinhos e médicos.

Ainda segundo a polícia, a criança já havia sofrido outros maus-tratos e sofria de pneumonia.

O pai, um adolescente de 17 anos, foi apreendido e encaminhado à cidade de São Luís e a mãe foi presa e deve pegar no máximo 30 anos de prisão.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.