Celso Portiolli revela que quase foi parar na Globo

Celso Portiolli contou histórias inéditas de sua carreira durante bate-papo do “Na Lata”, com Antonia Fontenelle. Entre uma lembrança e outra, o apresentador recordou que quase foi para a Globo.

Nos anos 90, Roberto Talma dirigia a novela Colégio Brasil, no SBT, e confidenciou que gostaria de levar Celso para a emissora de Roberto Marinho.

“Eu estava começando, recém-começado a apresentar o Passa ou Repassa. O Roberto Talma me chamou e disse: ‘tô voltando para a Rede Globo e vou te levar pra lá. Vou criar um projeto para sábado à tarde. E você é o cara! Eu ganhava x no SBT e ele me ofereceu 10x”, contou.

Entretanto, era preciso guardar segredo:

“O Talma pediu que eu não contasse a ninguém, pois ele ainda não tinha saído e isso poderia atrapalhar não só a ida como a exigência de uma multa de R$ 5 milhões que o SBT estava abrindo mão”, disse.

Após uma viagem, Celso não resistiu e foi comunicar a decisão para Silvio Santos, que imediatamente quis saber quem estava querendo tirá-lo do SBT. Sem poder responder, a situação ficou tensa:

“Você está blefando, Celso. Você não tem proposta nenhuma. Mas eu vou cobrir a oferta!”, teria dito Silvio.

Eis que o atual apresentador do Domingo Legal não resistiu:

“Eu fiquei encantado com tudo, com o respeito, com a gratidão, com o cara que me deu a chance e resolvi ficar”, completou.Celso Portiolli revira baú e encontra foto de quando tinha seis anos

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.