Câmara reabre trabalhos prestando homenagem póstuma a Damasceno

Uma apresentação da banda marcial da Prefeitura de São Luis, cobrança do Plano Diretor por parte de vários vereadores e um minuto silêncio como homenagem ao ex-vereador João Damasceno, falecido na quarta-feira da semana passada, marcaram a solenidade de reabertura dos trabalhos na Câmara Municipal de São Luis,  na manha desta segunda-feira (06), sob a presidência do vereador Astro de Ogum (PR). O evento contou com a participação de sete secretários municipais, incluindo o vereador Ivaldo Rodrigues (PDT), atualmente exercendo o cargo de secretário municipal de Articulação Política. Ele representou o prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

Em meio à solenidade, o presidente do Legislativo Ludovicense desejou sucesso aos 10 colegas que tiveram seus respectivos nomes homologados em convenções, na disputa para mandatos de deputado federal e estadual. Ele inclusive convidou a todos para um jantar  que acontecerá na próxima quarta-feira (8), para debaterem sobre essa e outras questões, para evitar o chamado recesso branco durante o período da campanha eleitoral.

Mensagem do prefeito

 Em nome do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, o secretário de Articulação Política, Ivaldo Rodrigues afirmou que estava ali para reforçar os laços institucionais entre os poderes Executivo e Legislativo. “Estou duplamente feliz, uma vez que estou aqui representando o prefeito Edivaldo Holanda, na casa ao  qual pertenço”, acrescentou.

Ivaldo Rodrigues destacou  o trabalho de Astro de Ogum à frente da Câmara Municipal. “Quero parabenizar vossa excelência pelo brilhante trabalho. É uma administração arrojada, cujos resultados estão aí, à vista de todos, um trabalho transparente, principalmente na tecnologia, que o senhor inovou, nos propiciando mais facilidade em nossas ações”, destacou Ivaldo.

Os vereadores César Bombeiro (PSD), Josué Pinheiro (PSDB) e o primeiro vice-presidente, Osmar Filho (PDT), encaminharam justificativas pelas respectivas faltas. Os dois primeiros alegaram problemas de saúde, enquanto Osmar Filho não pôde comparecer devido ao falecimento de um familiar.

Astro de Ogum franqueou a palavra aos colegas e recebeu elogios de todos eles. O primeiro a se manifestar foi o vereador Francisco Chaguinhas (PP). Ele aproveitou um comentário inicial de Astro de Ogum, a respeito do novo Plano Diretor, que ainda não foi encaminhado à Câmara Municipal, para afirmar que “o Plano Diretor é o GPS da cidade, porque norteia as edificações residenciais, comerciais e industriais. É preciso que a Prefeitura nos envie logo, até porque tal atraso é um retrocesso”, salientou.

Generval Alves (PRTB) elogiou o trabalho de Astro e falou da coesão entre os vereadores. Enquanto Dr. Gutemberg Araújo (PSDB), abordou a informatização da Câmara, enfatizando que o vereador Astro de Ogum executa uma grande realização. Raimundo Penha (PDT), seguiu na mesma linha de Gutembrg e justificou a ausência do prefeito Edivaldo Holanda, acrescentando que ele não esteve presente, mas encaminhou diversos secretários.

Bárrbara Soeiro (PSC) e Ricardo Diniz (PRTB), também exaltaram as ações do presidente Astro de Ogum e pregaram a unidade no Legislativo Municipal.

Pavão Filho (PDT), que é o líder do governo na Câmara, também justificou a ausência do prefeito Edivaldo Holanda. Último a se manifestar, Isaías Pereirinha (PSL), pediu um minuto de silêncio em homenagem ao advogado e ex-vereador João Damasceno, que comoveu a cidade com a sua morte na semana passada.

Além de Ivaldo Rodrigues, participaram da solenidade os secretários municipais  José Cursino Raposo (Planejamento); Jackson dos Santos Castro (Controladoria Geral); Myttyz Fabíola Carneiro Rodrigues (Administração); Frederico Moreira  (representante do secretário de Educação, Moacir Feitosa); Nonato Chocolate (Pesca e Abastecimento) e Pablo Rebouças ( Governo).

Texto: Djalma Rodrigues

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.