Árbitro processa Dudu por danos morais após agressão no Paulista

O empurrão em Guilherme Cereta de Lima na final do Paulista contra o Santos, pode gerar novos problemas ao atacante Dudu. O árbitro entrou com um processo por danos morais contra o atacante do Palmeiras, que já foi punido com seis meses de gancho pelo incidente – o clube recorreu e aguarda nova decisão.

Após a final do Paulista, Cereta estaria sendo alvo de zombarias nas ruas por conta do lance. Procurado por uma equipe de reportagem , o árbitro não quis comentar a questão, mas confirmou ter acionado a Justiça. Ele, no entanto, não teria informado a questão à Comissão de Arbitragem.

Após duelo contra o Sampaio Corrêa, pela Copa do Brasil, Dudu afirmou que pediria desculpas ao árbitro pelo lance.

Por briga com a esposa, Dudu vai prestar serviços comunitários

Dudu foi suspenso pelo TJD da Federação Paulista de Futebol por 180 dias, por causa de uma agressão ao árbitro Guilherme Cereta de Lima, pela segunda final do Campeonato Paulista. O departamento jurídico do Verdão conseguiu um efeito suspensivo, mas que só passa a ter validade a partir do dia 3 de junho. O clube recorreu da decisão e tenta desqualificar a denúncia de “agressão” para “ato hostil”.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.