Agora lascou, Mais um maniaco é preso suspeito de abuso contra uma criança de 4 anos

Mais um caso de violência sexual  contra  uma menor ,  foi registrado no Estado do Maranhão, desta vez, na cidade de Chapadinha, quando um  suspeito teria tentando abusar  sexualmente  de uma criança de apenas 6 anos, na cidade  de Chapadinha. Segundo informações o suspeito  não chegou a consumar o fato, porque a criança  conseguiu se livrar do acusado e teria corrido  pra rua pedindo socorro.

Francisco de Lima Macedo, mais conhecido pela alcunha de “Cunhado” de 41 anos, é o autor da tentativa de estupro contra a sua própria sobrinha, ele foi preso na residencia da mãe na ultima terça – feira (24), e ficará a disposição da Justiça. Por motivos de segurança, não foi revelado o local e nem muitos detalhes sobre o suspeito para não motivar a furia dos moradores do município; disse a delegada Iraneide

Coincidência ou não , a cidade   fica bem próxima ao município de Urbano Santos, onde aconteceu   um dos crimes mais  bárbaros ja registrado no estado, quando  morreu a menina  Maísa de 5 anos  violentada sexualmente  por  um maniaco no ultima domingo (22).

 

É bom lembrar  que  José dos Santos Portácio, o “Guiguinê”  acusado de matar e estuprar a menina Maisa  , ainda é suspeito, e mesmo ele confessando o crime,  a policia precisa aprofundar o caso,  até que se descubra o verdadeiro autor deste ato cruel .

Vidas roubadas por condenações injustas 

Casos injustiças ja aconteceram no estado, no ano de 1998, quando  Robério Ribeiro foi apontado  de ser o principal suspeito da morte de Julio Cesar,filho da ex- amande,   onde foi torturado e ameaçado até confessar o que não havia cometido, ficando preso  e julgado pela população sem antes saberem de toda a verdade.

Mesmo com sua inocência, após prenderem o verdadeiro criminoso, Robério  ainda ficou muito tempo  preso, ganhando  a liberdade messes depois , mas continuou sendo julgado pelas pessoas na cidade de São José de Ribamar , onde morava, chamavam ele de  assassino. Ele teve que recomeçar. Mudou de Estado. Agora, mora em Franca, no interior de São Paulo.

Outro caso  semelhante  foi de  Heberson Oliveira, foi preso em novembro de 2003, suspeito de ter estuprado uma menina de nove anos de idade. Ele negou ter cometido o crime e disse que sequer estava em Manaus na época em que tudo ocorreu.

Mesmo sem nenhuma prova material ou testemunhal que o incriminasse, foi indiciado, denunciado e transferido para a Unidade Prisional do Puraquequara (UPP). Só dois anos e sete meses depois de ter sido preso é que Heberson foi julgado e, finalmente, considerado inocente

Mas a sentença que o pôs em liberdade não foi suficiente para lhe fazer um homem completamente livre. Heberson foi estuprado pelos “xerifes” da cadeia e contraiu o vírus da AIDS.

O que fica a duvida se realmente é este o verdadeiro assassino da menina , Maisa,  porque a policia ainda não tem evidencias concretas que provam que   Guiguinê é mesmo o maniaco  e autor do assassinato da garotinha Maisa de apenas 5 anos

1
José dos Santos Portácio, o “Guiguinê” acusado da morte de Maisa em Urbano Santos
estrupador
Francisco de Lima Macedo, 0 “Cunhado” acusado de tentativa de estupro em Chapadinha
20-05-2014 - ANG - Local - Preso injustamente no Maranhão - Roberto Ribeiro Cruz - Fotos: Ângelo Pedigone/Comércio da Franca
– Preso injustamente no Maranhão – Roberto Ribeiro Cruz – hoje mora em Francana /SP

Vidas-Roubadas-Heberson-Oliveira-inocentemente_ACRIMA20110226_0048_13
Heberson Oliveira, foi preso injustamente em novembro de 2003. o inocente contraiu o virus HIV na Unidade Prisional do Puraquequara (

Ainda é muito cedo para se tirar qualquer conclusão!

 

 

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.