Roseana anuncia investimentos no sul do Maranhão

O sul do Maranhão rumo ao desenvolvimento. É essa a meta da governadora Roseana Sarney, que inicia a semana reunindo-se com políticos, vistoriando e lançando novas obras nos municípios de Imperatriz e Açailândia. Nesta terça-feira (25), em Açailândia, às 10h, a governadora lança a pedra fundamental da Aciaria da Gusa Nordeste S/A, unidade de uma usina siderúrgica que transforma o ferro-gusa em diferentes tipos de aço.

A solenidade acontecerá na sede da empresa, na BR-222, no Distrito Industrial de Pequiá. O investimento, apenas na primeira fase, é da ordem de R$ 300 milhões, comparte do volume sendo financiado pelo Banco do Nordeste. O empreendimento servirá de suporte para a Gusa Nordeste, que tem capacidade para produzir 360 mil toneladas de ferro-gusa por ano.

A construção da aciaria é parte integrante do projeto de expansão da Gusa Nordeste, empreendimento pertencente ao Grupo Ferroest, instalado no Maranhão desde 1988. A empresa tem capacidade para gerar mais de 2,1 mil empregos diretos e indiretos e seu incremento estimulará o desenvolvimento do pólo de indústrias de ferro-gusa, instalado em Açailândia e formado pelas empresas Gusa Nordeste, Fergumar, Simasa, Pindaré e Viena.

Vivas

Na sequência, também na terça-feira (25), às 11h, a governadora vai lançar, no auditório da Associação Comercial de Imperatriz, as obras dos Viva Cidadão e Viva Açailândia e da Universidade da Terceira Idade (Uniti – Uema). Estão previstos 268.600 atendimentos/ano. Os serviços de órgãos como o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), além de emissão de documentos, atendimentos bancários, entre outros,  serão direcionados a 248.063 habitantes de oito municípios da região.

Criado em 1997, atualmente, o Viva Cidadão tem seis unidades fixas, sendo duas em São Luís e quatro nos municípios de Imperatriz, Carolina, Presidente Dutra e São Bento (funcionando em fase experimental), além de postos anexos nas maternidades Marly Sarney e Benedito Leite, na capital, para emissão de Certidão de Nascimento.

No interior, o Viva Cidadão tem cinco unidades itinerantes e as Unidades Alternativas de Atendimento, em parceria com Prefeituras. Há ainda uma unidade móvel ferroviária, o Trem da Cidadania, uma parceria com a Vale.

Encontros

A agenda de compromissos em Açailândia inclui ainda audiências com lideranças regionais, às 12h; visita ao Colégio Lourenço Galletti, às 14h; e finaliza com um encontro com o prefeito Ildemar Gonçalves (PSDB), às 16h. Na viagem, a governadora será acompanhada por diversos secretários, a exemplo de Maurício Macedo (Indústria e Comércio), Max Barros (Infraestrutura), César Pires (Educação), Luciano Moreira (Administração), Gastão Vieira (Planejamento) e Hildo Rocha (Coordenação Política e Articulação com os Municípios).

Na quarta-feira (26), às 9h30, na Associação Comercial de Imperatriz, a governadora fará o anúncio da implantação da Suzano Celulose e Papel. Com investimentos de cerca de R$ 3 bilhões, a Suzano construirá uma unidade industrial com capacidade para produzir 1,3 milhão de toneladas de celulose/ano, com entrada em operação prevista para 2013. O projeto, que inclui a formação de uma base florestal para atender à fábrica, deve gerar cerca de 4,5 mil empregos, entre diretos e indiretos, durante a fase de implantação.

A fábrica resulta de uma avaliação criteriosa e de estudos relevantes sobre a viabilidade econômica, socioambiental, de mercado e infra-estrutura. Com a expansão, a empresa ampliará o volume de produção de celulose em torno de 150% com um acréscimo de 4,3 milhões de toneladas à capacidade atual. O objetivo é atingir a capacidade de 7,2 milhões de toneladas de papel e celulose até 2015.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.